03:27 30 Maio 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    Brasil luta com pandemia em meados de maio (78)
    0 30
    Nos siga no

    O Senado aprovou nesta terça-feira (19) o texto-base do projeto que pede o adiamendo do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de maneira automatica. Não foram definidas novas datas para as provas.

    De acordo com o calendário do Enem, as provas que dão acesso aos cursos de graduação seriam realizadas nos dias 1º e 8 de novembro, e nos dias 22 e 29 por via digital.

    O filho do presidente, Flávio Bolsonaro, foi o único senador que votou contra o projeto, em votação que teve aprovação de 75 votos a 1.

    ​Para confirmar o adiamento do Enem, o texto ainda precisa ser analisado pela Câmara dos Deputados, e em seguida ser sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro.

    De acordo com o projeto, que foi apresentado pela senadora Daniella Ribeiro (PP-PB), o adiamento dos exames teria como justificativa o cenário de calamidade pública em meio à pandemia do coronavírus.

    Tema:
    Brasil luta com pandemia em meados de maio (78)

    Mais:

    Weintraub diz que vai recorrer de decisão que adia Enem: 'Brasil não pode parar'
    Enem realizado nos termos de Weintraub não deve ter validade, diz especialista
    Erro no Enem é a crise mais aguda da educação brasileira nos últimos 50 anos, diz especialista
    Tags:
    COVID-19, epidemia, novo coronavírus, Senado, ENEM
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar