08:29 10 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    Brasil no combate ao coronavírus no início de maio (66)
    0 22
    Nos siga no

    O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, decidiu prorrogar as medidas de isolamento social no estado até o dia 31 de maio.

    O prazo terminaria no dia 11, mas Witzel vai publicar um novo decreto na própria segunda-feira (11), prorrogando a medida. A assessoria do Palácio Guanabara confirmou o fato na noite desta sexta-feira (8), informou Agência Brasil.

    Um endurecimento das regras é esperado, apesar dos detalhes ainda não terem sido divulgados. A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) divulgaram estudos defendendo isolamento total, também conhecido como lockdown.

    Witzel, no entanto, ainda não divulgou seu parecer sobre um possível confinamento, que proibiria a circulação de pessoas e veículos particulares, exceto para quem é ligado às áreas de segurança e saúde ou outros setores fundamentais.

    São Luís do Maranhão e Fortaleza adotaram medidas de confinamento esta semana, assim como em duas cidades fluminenses, Niterói e São Gonçalo.

    O estado do Rio é o segundo do país em número de casos confirmados e de mortes provocadas pela COVID-19, com 15.741 casos e 1.503 óbitos nesta sexta-feira (8).

    Tema:
    Brasil no combate ao coronavírus no início de maio (66)

    Mais:

    Melhores fotos da semana em que estátuas no Rio 'vestem' máscaras
    Melhores fotos da semana em que moradores se reúnem para combater COVID-19 no Rio
    Tags:
    COVID-19, Rio de Janeiro, Brasil, Wilson Witzel
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar