01:48 30 Maio 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    6122
    Nos siga no

    A Petrobras anunciou nesta segunda-feira (4) que a exportação de petróleo atingiu a marca de 30,4 milhões de barris em abril, ou um milhão de barris por dia vendidos ao mercado internacional.

    A empresa registrou desse modo um recorde de exportações, apresar da crise mundial que reduziu a demanda global por petróleo em função da pandemia da COVID-19, que provocou restrições de circulação de pessoas.

    Os dados da empresa apontam que o volume exportado no mês foi 145% maior do que em abril do ano passado e contribuiu para reforçar o caixa. O recorde anterior de exportação da Petrobras foi de 771 mil barris por dia, alcançado em dezembro passado. A estatal garantiu ter ampliado esforços para exportar a sua produção, após atender à demanda interna.

    Segundo a diretora de Refino e Gás Natural da Petrobras, Anelise Lara, a nova especificação mundial para combustíveis marítimos, chamada de IMO 2020, beneficiou a empresa, já que reduziu de 3,5% para 0,5% o limite de teor de enxofre no óleo combustível.

    "Estamos atentos aos movimentos internacionais e acessando todos os mercados. Nosso petróleo, de baixo teor de enxofre, mantém sua valorização no mercado internacional em função das especificações do IMO 2020", disse Lara

    As vendas de petróleo para o exterior no primeiro trimestre deste ano cresceram 25% na comparação com o último trimestre de 2019, informou Petrobras.

    A China é o principal destino do petróleo brasileiro, responsável pela compra de 60% do óleo exportado pela Petrobras nos quatro primeiros meses do ano. Além da China, a empresa também comercializa óleo para outros países asiáticos, além dos Estados Unidos, da Europa e Índia.

    Mais:

    Bolsonaro diz que governo não irá interferir em política de preços da Petrobras
    Recuperação da Petrobras vai depender do controle do coronavírus, diz especialista
    Petrobras tem 261 trabalhadores infectados pelo novo coronavírus
    Tags:
    exportação, petróleo, Petrobras
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar