04:31 03 Junho 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    Brasil combatendo coronavírus no fim de abril (64)
    11130
    Nos siga no

    Pesquisadores da Fiocruz detectaram material genético do coronavírus SARS-CoV-2 em amostras de esgoto coletadas em Niterói, na região metropolitana do Rio de Janeiro.

    As primeiras amostras foram ainda obtidas no último dia 15 em 12 pontos distintos do município fluminense, incluindo estações de tratamento de esgoto.

    Utilizando método de ultracentrifugação, pesquisadores da Fundação Oswaldo Cruz encontraram material genético do coronavírus responsável pela pandemia atual, publicou o órgão em seu site.

    Pesquisadores partiram da ideia de que o coronavírus pode sair por via fecal de seu portador, embora ainda não se sabe se ao estar presente em fezes o vírus ainda seria capaz de contaminar seres humanos.

    Importância da descoberta

    A detecção do coronavírus no esgoto de Niterói pode ajudar as autoridades a mapearem a propagação do vírus em áreas onde existem casos assintomáticos da COVID-19, ou seja, quando uma pessoa contaminada não apresenta sintomas da presença do coronavírus.

    Desta forma seria possível categorizar uma área como alcançada pelo coronavírus mesmo quando não se há casos registrados da doença.

    "O monitoramento da circulação do novo coronavírus durante a epidemia subsidiará informações para a vigilância em saúde, permitindo otimizar o uso de recursos disponíveis e fortalecer medidas de profilaxia na área, uma vez que a investigação sistemática da presença do material genético do vírus na rede de esgotos sanitários pode fornecer um retrato da presença de casos positivos em determinada localidade [...]", afirmou a chefe do Laboratório de Virologia Comparada e Ambiental do Instituto Oswaldo cruz / Fiocruz e responsável pela pesquisa, Marize Pereira Miagostovich.

    Contudo, a falta de saneamento e de rede de esgoto adequada em certas localidades poderá afetar o sucesso do uso da técnica para mapear a zona do coronavírus e tomar medidas de prevenção.

    Tema:
    Brasil combatendo coronavírus no fim de abril (64)

    Mais:

    OMS alertou para transmissão da COVID-19 entre humanos ainda no início de janeiro, diz relatório
    Brasil ultrapassa a China e registra mais de 5 mil mortes pela COVID-19
    Alemanha aprova 1º teste clínico em humanos de vacina contra COVID-19
    Tags:
    COVID-19, epidemia, pesquisas, Fiocruz, RJ, Niterói, pandemia, novo coronavírus
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar