12:24 24 Setembro 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    274519
    Nos siga no

    Neste sábado (25), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva usou o Twitter para atacar o presidente Jair Bolsonaro e também o ex-ministro Sergio Moro.

    Um dia após a demissão de Sergio Moro do Ministério da Justiça e Segurança Pública em uma coletiva com acusações de "interferência política" do presidente Bolsonaro na Polícia Federal, o ex-presidente Lula comentou a situação através das redes sociais.

    Para Lula, "Bolsonaro é filho do Moro" e não o contrário e ambos são bandidos. O ex-presidente também disse que Bolsonaro e Moro são consequências de "mentiras inventadas pela Globo".

    ​O ex-presidente Lula teve a prisão decretada em abril de 2018 pelo então juiz federal Sergio Moro. Lula passou 580 dias atrás das grades da Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba.

    O petista teve a pena definida pelo Supremo Tribunal de Justiça em 8 anos, 10 meses e 20 dias. Lula foi condenado após ser acusado por aceitar um tríplex no Guarujá como forma de propina da empreiteira OAS - o que o ex-presidente nega.

    Lula deixou a prisão no dia 8 de novembro de 2019, após uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que mudou o entendimento sobre a prisão após condenação em 2ª instância.

    Mais:

    Lula deixa prisão e promete 'percorrer' o Brasil
    Sem citar Lula, Moro lamenta soltura em 2ª instância e insta Congresso a mudar lei
    'Sem condições de governar': Lula diz que Bolsonaro quer destruir a democracia brasileira
    Oficial: ministro da Justiça Sergio Moro anuncia saída do governo Bolsonaro
    Após saída de Moro, 3 secretários do Ministério da Justiça colocam cargos à disposição
    Tags:
    OAS, Supremo Tribunal de Justiça, Supremo Tribunal Federal (STF), Jair Bolsonaro, Sergio Moro, Lula
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar