22:05 29 Março 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    Brasil enfrenta COVID-19 (213)
    3121
    Nos siga no

    A Câmara dos Deputados aprovou nesta quinta-feira (26) um projeto que destina R$ 600 para trabalhadores informais por 3 meses por conta da pandemia de coronavírus.

    De acordo com o projeto aprovado na Câmara, a mulher que for mãe e chefe de família terá direito a receber R$ 1,2 mil. Inicialmente o governo havia proposto o pagamento de R$ 200 para os trabalhadores informais.

    Agora o documento seguirá para ser votado no Senado, ainda sem previsão de quando será a análise.

    "Aprovamos projeto que garante R$ 1.200 por família que tenha dois ou mais adultos trabalhadores e para mães chefes de família. O governo concordou com a nossa proposta. Com isso, autônomos, MEIs e desempregados vão ter mais fôlego para atravessar a crise imposta pelo coronavírus", afirmou o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, no Twitter.

    ​O presidente Jair Bolsonaro também confirmou que o valor de ajuda emergencial a trabalhadores informais seria triplicado.

    "Aquela ajuda inicial para os informais, de R$ 200, que é muito pouco, conversei com Paulo Guedes, e ele resolveu triplicar esse valor", afirmou.

    O auxílio emergencial prevê que os trabalhadores informais devem ter mais de 18 anos, não tenham emprego formal e não tenham assistência previdenciária ou assistencial.

    Tema:
    Brasil enfrenta COVID-19 (213)

    Mais:

    Número de casos de coronavírus nos EUA supera o da China
    Bolsonaro diz que não teme coronavírus pois brasileiro pula em 'esgoto' e 'não acontece nada'
    Eduardo Cunha vai para prisão domiciliar por conta do coronavírus
    Tags:
    trabalhadores, Câmara dos Deputados, novo coronavírus, COVID-19
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar