22:17 04 Abril 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    7174
    Nos siga no

    Neste domingo (23), o senador licenciado Cid Gomes recebeu alta hospitalar. O político passou 5 dias internado após ser baleado por policiais amotinados em Sobral-CE.

    Na quarta-feira (19), o senador investiu contra policiais amotinados no 3º Batalhão da Polícia Militar em Sobral, que fica no interior do estado do Ceará. O incidente foi noticiado no país inteiro, tendo sido gravado em vídeo. 

    Ao tentar entrar no batalhão dirigindo uma retroescavadeira em direção ao portão, Cid Gomes foi atingido no peito por disparos dos policiais. Apesar da alta médica, o senador continuará em reabilitação realizando fisioterapia respiratória e utilizando antibióticos para restabelecimento normal da função pulmonar. O senador segue com dois projéteis alojados no peito.

    O motim que teve início na terça-feira (18) reivindica aumento salarial para os agentes de segurança. Após o incidente, a Polícia Federal passou a investigar o caso e tropas da Força Nacional e do Exército Brasileiro foram enviadas para o local.

    Segundo publicou o G1, trabalham na segurança do estado durante a crise cerca de 2,5 mil soldados do Exército, 150 agentes da Força Nacional, 212 policiais rodoviários federais, além de policiais civis e militares de batalhões que não participam da paralisação.

    Mais:

    Ceará tem mais de 90 assassinatos e 167 PMs afastados em meio a crise
    Senador Cid Gomes leva tiro durante protesto no Ceará (VÍDEO)
    Após ser baleado, senador Cid Gomes deixa UTI de hospital no Ceará
    Tags:
    Cid Gomes
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar