04:39 12 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    280
    Nos siga no

    Nesta terça-feria (11), o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística divulgou dados sobre o desempenho da indústria brasileira em dezembro de 2019.

    Segundo a publicação, houve recuo em 12 dos 15 locais pesquisados pelo IBGE no último mês de 2019. As maiores quedas do mês foram em Mato Grosso, com -4,7%; Rio de Janeiro, com -4,3%; e Minas Gerais, com -4,1%. Os maiores avanços foram no Paraná, com alta de 4,8% e no Pará, que observou crescimento de 2,9% no setor.

    Já o acumulado do ano apresenta um cenário de menos recuos no total de locais pesquisados, apesar da queda geral da indústria nacional, de - 1,1%.

    No total, sete dos 15 locais pesquisados mostraram taxas negativas de crescimento, com destaque para Espírito Santo, com -15,7%; e Minas Gerais, com -5,6%, que tiveram quedas mais intensas que a média nacional. As maiores altas foram registradas no Paraná, com 5,7%; e no estado do Amazonas, com 4,0%.

    A queda de 1,1% na produção industrial nacional em 2019, superou expectativas de mercado, conforme apontou o relatório Focus na última semana do ano. A média traçada pelo relatório do Banco Central previa queda de 0,73% na produção industrial do ano. O relatório mais recente do Banco Central aponta expectativa de crescimento da produção industrial no Brasil de 2,33% em 2020.

    Mais:

    Petrobras venderá indústria de biodiesel no Sul do país
    Indústria do Brasil perde relevância e tende a sair da 'elite' mundial, diz economista
    'Declínio' da pesquisa e da indústria estimula fuga de cérebros no Brasil, diz socióloga
    Tags:
    IBGE, Banco Central do Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar