08:03 05 Abril 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    2123
    Nos siga no

    Aviões da Força Aérea brasileira com 34 passageiros aterrissaram na base aérea de Anápolis (GO) após o governo decidir repatriar os brasileiros que permaneciam na cidade chinesa de Wuhan, epicentro do coronavírus.

    As duas aeronaves pousaram na base às 6h05 e 6h11 do horário de Brasília neste domingo.

    Oriundas de Wuhan, foco do coronavírus, as aeronaves fizeram paradas em Urumqi (China), Polônia, Espanha e na capital do Ceará, Fortaleza.

    Logo após sua chegada, os repatriados devem ser encaminhados para uma quarentena de 18 dias na própria base aérea de Anápolis.

    Além dos 34 passageiros, uma equipe de apoio de 24 pessoas será avaliada para que o Ministério da Saúde determine se elas também ficarão em quarentena, conforme publicou o portal G1.

    Durante o período de isolamento, as pessoas serão obrigadas a usar máscaras quando estiverem fora de seus quartos.

    Mensagem do presidente

    Ainda de acordo com publicação do Ministério da Defesa, os repatriados receberam uma mensagem em vídeo do presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, assim que as aeronaves entraram no espaço aéreo do Brasil, às 23h40 de ontem (8).

    É válido ressaltar que o retorno dos brasileiros de Wuhan foi aceito pelo presidente após os mesmos gravarem um vídeo direcionado a Bolsonaro.

    Coronavírus

    A repatriação dos brasileiros se dá enquanto a infecção por coronavírus já tirou a vida de mais de 800 pessoas.

    Embora haja casos suspeitos no Brasil, nenhuma pessoa foi confirmada como infectada.

    Mais:

    Primeiro homem a pegar coronavírus no Japão recebe alta do hospital
    Coronavírus não afetará relações entre Rússia e China, diz senador russo
    Surto de coronavírus afeta produção de eletrônicos no Brasil e preocupa industriais
    Tags:
    China, Brasil, chegada, brasileiros, repatriação
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar