01:43 27 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    9263
    Nos siga no

    A Polícia do Rio de Janeiro realiza uma operação nesta terça-feira (31) em busca de um suspeito de atacar a sede da produtora do Porta dos Fundos.

    Os agentes não conseguiram encontrar Eduardo Fauzi Richard Cerquise, que já é dado como foragido. As buscas foram realizadas em dois endereços comerciais e dois residenciais. Na Barra da Tijuca foram apreendidos R$ 119 mil, munição, uma arma falsa, computador e uma camisa de entidade filosófica e política.

    Segundo informações divulgadas pelo portal G1, essa pessoa era a única dos cinco suspeitos que não estava usando capuz na hora do ataque.

    "O Eduardo tem um perfil violento, antagônico. Ele tem livros ligados à religião cristã e ao islamismo. Ele é empresário, de classe média alta", disse o delegado Marco Aurélio de Paula Ribeiro.

    No dia 24 de dezembro, o grupo jogou bombas de fabricação caseira na sede da produtora, localizada no bairro de Botafogo, na zona sul do Rio de Janeiro, e depois fugiu do local.

    O caso está sendo investigado como tentativa de homicídio porque um vigilante estava na sede no momento do ataque.

    A produtora do Porta dos Fundos tem sido criticada nas redes sociais pela maneira como retratou Jesus Cristo no episódio do especial de Natal deste ano.

    Mais:

    Sede da produtora do 'Porta dos Fundos' é atacada com coquetel molotov (FOTO)
    Imagens do ataque contra 'Porta dos Fundos' mostram 3 agressores
    Grupo integralista nega autoria de vídeo do ataque contra Porta dos Fundos, diz Polícia
    Tags:
    humorista, humor, investigação, Porta dos Fundos, ataque, Polícia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar