17:41 12 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Rodrigo Maia, presidente da Câmara dos Deputados

    'Frustrante': setor privado 'fugiu' do leilão do pré-sal, diz Rodrigo Maia

    © AP Photo / Eraldo Peres
    Brasil
    URL curta
    971
    Nos siga no

    Nesta quarta-feira (6), após o aguardado leilão do pré-sal o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, classificou o resultado como frustrante.

    No total, o leilão arrecadou R$ 69,96 bilhões, abaixo dos R$ 106,5 bilhões aguardados pelo governo. No total, 14 empresas foram habilitadas para a disputa, mas o interesse foi considerado baixo.

    A chamada Rodada de Licitações do Excedente da Cessão Onerosa ofereceu quatro áreas, sendo que duas arrematadas pela Petrobras e por duas empresas chinesas estatais - a CNODC e a CNOOC Petroleum.

    Conforme citou o portal G1, Rodrigo Maia acredita que a notícia é negativa e que "o setor privado fugiu do leilão".

    Maia também afirmou que o resultado preocupa prefeitos e governadores que receberiam 30% do valor até o final do ano.

    Ao site UOL, o presidente da Petrobras também demonstrou surpresa com o resultado, afirmando que a estatal esperava "francamente" que houvesse competição no leilão.

    Mais:

    Petrobras conclui devolução de concessões de distribuição de gás natural ao Uruguai
    Venda das refinarias da Petrobras: combustível sobe ou desce?
    Sem concorrência, Petrobras e empresa chinesa arrematam maior área do megaleilão do pré-sal
    Analista questiona entusiasmo de Bolsonaro e razões para Brasil ingressar na OPEP
    Tags:
    China, CNOOC, pré-sal, Petrobras, Roberto Castello Branco, Rodrigo Maia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar