08:18 12 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Óleo atinge praia do Viral e prejudica pesca em área isolada na cidade de Aracaju (SE)

    Bolsonaro diz que manchas de óleo são criminosas e que 'pior está por vir'

    ©Raul Spinassé/Folhapress
    Brasil
    URL curta
    616
    Nos siga no

    O presidente Jair Bolsonaro declarou neste domingo que as manchas de óleo no Nordeste do Brasil foram resultado de ato criminoso e que "o pior está por vir".

    Para Bolsonaro, que concedeu uma entrevista à rede Record na noite deste domingo, "todos os indícios levam ao cargueiro grego", apontado pela Polícia Federal esta semana como responsável pela catástrofe ambiental.

    "O que chegou às praias é uma pequena parte do que foi derramado [...] O pior está por vir, uma catástrofe muito maior que, ao que tudo parece, foi criminosa", declarou o presidente, sem informar as fontes de suas afirmações.

    Ainda neste domingo, o Instituto Chico Mendes de Conservação de Biodiversidade (ICMBio) suspendeu a visitação do Parque Nacional Marinho dos Abrolhos. A medida foi determinada após a detecção de manchas de óleo na região e valerá por pelo menos três dias, informou o jornal Globo.

    ​Desde o final de agosto, pelo menos 286 locais do litoral nordestino, totalizando 98 cidades, foram afetadas pelas manchas de óleo. A causa da crise ambiental está sendo investigada. Acredita-se que este desastre ambiental tenha sido o maior derramamento de petróleo em extensão do Brasil.

    Tags:
    meio ambiente, catástrofe, Jair Bolsonaro, óleo, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar