11:52 21 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, na cerimônia de posse do novo procurador-geral da República, Augusto Aras, no Palácio do Planalto, Brasília, 26 de setembro de 2019

    Pedido de 'impeachment urgente' contra Bolsonaro está no topo do Twitter

    © REUTERS / Adriano Machado
    Brasil
    URL curta
    Por
    345519
    Nos siga no

    Internautas parecem estar dispostos a subir ainda mais uma hashtag contra o presidente do Brasil, Jair Bolsonaro. Trata-se de um pedido de impeachment urgente.

    O Brasil já chegou ao décimo mês da presidência de Jair Bolsonaro, que divide a população entre apoiadores, desaprovadores e os que não preferem comentar política.

    Pelo visto, esta quarta-feira (9) está sendo o dia dos desaprovadores, que lançaram a hashtag no Twitter #ImpeachmentdoBolsonaroURGENTE. Com rápido crescimento, a tag já conseguiu atingir a primeira posição dos assuntos mais comentados do Twitter de hoje.

    O veto de Bolsonaro à obrigação de assistências psicológica e social nas redes públicas de educação básica foi acentuado por internauta indignada.

    ​A hashtag está agradando muita gente.

    ​Há quem dê dicas do melhor momento para conseguir impeachment de Bolsonaro.

    ​Internauta pede impeachment do presidente do Brasil "porque está insustentável viver no país".

    ​Até mesmo quem espera "cassação da chapa e eleições diretas" para resolver situação política no Brasil está aderindo ao pedido de impeachment.

    ​E o PT?

    ​"Administração desastrosa, corrupta e fascista", escreve internauta sobre governo Bolsonaro.

    ​Cadê os arrependidos?

    ​A hashtag está atraindo apoiadores de Bolsonaro também.

    ​Já eram mais de 8.000 tweets até a publicação desta matéria.

    Mais:

    Bolsonaro cochicha para apoiador: 'Esquece o PSL'
    Temos no radar um país que pode ser o da origem de manchas de óleo, diz Bolsonaro
    Governo Bolsonaro trata estatais como 'banca de feira' e tentará vender tudo, dizem analistas
    Tags:
    Twitter, impeachment, Jair Bolsonaro
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar