14:09 18 Janeiro 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    471
    Nos siga no

    Nesta segunda-feira (12) grupos indígenas liderados por mulheres ocuparam um prédio do Ministério da Saúde, em Brasília.

    A manifestação denuncia o desmonte da Saúde indígena e reuniu movimentos de mulheres de várias regiões do país.

    O prédio ocupado foi o da Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai), que faz parte do Ministério da Saúde.

    Os grupos exigem a saída da secretária da pasta, Silvia Nobre, além de reivindicarem mais investimentos na área. Para as mulheres indígenas presentes, é necessário o fortalecimento da secretaria e o cessar do desmonte do órgão.

    Vídeos divulgados nas redes sociais mostram centenas de manifestantes indo em direção à secretaria. A maioria dos presentes é de mulheres.

    Comunidades indígenas sofrem constantes violações de direitos humanos no Brasil. Recentemente, a questão tem se tornado tema de debate internacional devido à retórica política empregada em Brasília e à pressão de outros países pela manutenção dos direitos dos indígenas.

    Mais:

    Nova liderança europeia pressionará Bolsonaro na questão ambiental e indígena, dizem especialistas
    Garimpeiros invadem terra indígena no Amapá e matam 2 caciques
    Garimpo representa a morte para os índios, diz 1ª deputada federal indígena
    Mulheres indígenas protestam contra Bolsonaro
    Tags:
    Ministério da Saúde, Brasília
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar