03:59 21 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Pacote de cocaína

    Bolsonaro quer que militar preso com cocaína na Espanha deponha às autoridades brasileiras

    Dept of Immigration and Border Protection Handout
    Brasil
    URL curta
    502
    Nos siga no

    O presidente brasileiro Jair Bolsonaro disse nesta quarta-feira que os representantes do Estado logo serão enviados à Espanha para interrogar um oficial da Força Aérea Brasileira (FAB) que era membro da equipe do G20 e foi preso em Sevilha com 39 kg de cocaína.

    O sargento Manoel Silva Rodrigues foi detido na semana passada durante uma escala na Espanha, quando o presidente estava a caminho da Osaka (Japão) para a reunião anual dos líderes mundiais, o G20.

    Bolsonaro, que uma vez prometeu erradicar o tráfico de drogas no Brasil, considerou o incidente " inaceitável" e ordenou que seu Ministério da Defesa cooperasse com a polícia espanhola na investigação do caso.

    "O Comandante da Aeronáutica vai mandar nossa equipe [para a Espanha] o mais rápido possível para interrogar o sargento [...] suspeitamos que não seja a primeira vez que ele lida com drogas", informou o presidente, citado pelo jornal Folha de S. Paulo.

    Rodrigues está agora sob custódia na sede da Guarda Civil espanhola em Sevilha e aguarda julgamento por acusações de tráfico de drogas, segundo um representante da guarda civil.

    Também nesta quarta-feira o jornal espanhol El País postou uma imagem da droga apreendida com o sargento da Aeronáutica, e chamou a atenção das autoridades espanholas o fato do militar sequer ter tentado camuflar a carga de entorpecentes.

    Mais:

    Ministro Heleno: prisão de militar que transportava droga em avião presidencial foi 'falta de sorte'
    Em comitiva de Bolsonaro, avião da FAB com 39 kg de cocaína está tirando brasileiros do sério
    Ministro da Educação faz piada sobre Dilma, Lula e cocaína e quase ninguém está rindo
    Tags:
    G20, tráfico de drogas, cocaína, Jair Bolsonaro, Força Aérea Brasileira (FAB), Aeronáutica, Sevilha, Espanha, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar