22:31 28 Janeiro 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    341
    Nos siga no

    O presidente Jair Bolsonaro declarou que pretende enviar ao Congresso Nacional um projeto de lei que oferece maiores garantias jurídicas a militares envolvidos em operações.

    "Os governadores, mais cedo ou mais tarde, espero que não, mas caso venham a pedir GLO [Garantia da Lei e da Ordem], eu vou querer a retaguarda jurídica, a garantia para os meus homens", declarou o presidente.

    "Como chefe supremo das Forças Armadas, eu só posso pagar uma missão para um subordinado se ao término da missão ele puder ser condecorado e não processado”, acrescentou Bolsonaro aos jornalistas nesta sexta-feira, após um almoço no Ministério da Defesa.

    ​Bolsonaro também disse que o projeto cumpre uma de suas promessas de campanha.

    "Eu falei muito na pré-campanha dessa retaguarda. Por exemplo, os policiais lá do Rio de Janeiro, que eu tenho contato com quase todos. Teve muito mais um possível julgamento do que alguém atirando com uma .50 em cima deles em uma operação".

    Além disso, o político prometeu encaminhar em breve um projeto de lei que regula o uso de drones em operações policiais.

    "Eu acho que devo usar todos os meios para combater o crime sem expor a vida do homem e da mulher", afirmou o presidente, citado pela Agência Brasil.

    Mais:

    'Quem demarca terra indígena é o presidente', diz Bolsonaro
    Secretaria-Geral da Presidência será comandada por policial militar, anuncia Bolsonaro
    Bolsonaro sinaliza que pode concorrer à reeleição caso não haja reforma política
    Tags:
    justiça, Polícia Militar, Polícia, drones, Jair Bolsonaro
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar