14:41 21 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Embraer 190 E2

    Embraer e Amazon criam sistema para nova família de jatos

    CC BY-SA 2.0 / aceebee / Embraer 190 E2
    Brasil
    URL curta
    2 0 0
    Nos siga no

    A Embraer lançou o sistema de manutenção preditiva IKON com um grande banco de dados e análises baseadas no serviço de nuvem Amazon Web Services (AWS).

    A Embraer anunciou nesta quarta-feira (19) no 53º Salão Aéreo Internacional de Paris o lançamento de sua plataforma de análise de dados, IKON, que também é um sistema de nuvem para capturar, armazenar e analisar uma grande quantidade de informações úteis para a manutenção preditiva das aeronaves E-Jets.

    O novo sistema é completamente baseado no serviço de nuvem da Amazon e foi desenvolvido pela Embraer, contando com o apoio da AWS ProServe e da Claranet, através de tecnologias que proporcionarão 96% de ganhos em termos de produtividade na análise e processamento de dados das aeronaves.

    "Nós precisamos da ferramenta certa, da plataforma certa, para analisar todos esses dados", afirmou Johann Bordais, presidente da Embraer Serviços & Suporte, ressaltando que as novas aeronaves gerarão grandes volumes de informações e que, por isso, surgiu a necessidade de uma nova plataforma capaz de gerir e analisar todos esses dados. Esse é o caso da aeronave E2, que gerará aproximadamente 100 GB de informações por ano.

    A empresa criou a aeronave E2 com o objetivo de atingir 99% de confiabilidade programada no primeiro ano de operação e alcançou 98,94%, em parte graças à plataforma IKON.

    Anteriormente, Bordais havia informado que o sistema baseado na nuvem torna o armazenamento e a análise dos dados menos dispendiosos e mais rápidos, pois os dados podem ser entregues decodificados, permitindo sua avaliação de desempenho de forma eficiente.

    Executivos da Embraer e da Saab falaram na LAAD 2019 sobre o andamento do Programa Gripen
    © Sputnik / Thiago de Araújo
    Executivos da Embraer e da Saab falaram na LAAD 2019 sobre o andamento do Programa Gripen

    O diretor ainda afirma que o novo sistema apresentou uma produtividade de 96%, permitindo que a empresa analisasse 3.000 voos da frota em apenas quatro horas, o que é um grande progresso, já que anteriormente a Embraer seria capaz de analisar apenas 20% dos dados.

    Apesar de a empresa estar focada no sistema de manutenção preditiva da aeronave E2, a flexibilidade da plataforma permitirá sua utilização em outras funções analíticas, como gerenciamento do histórico de análises financeiras.

    O serviço de nuvem da Amazon fornece ferramentas de segurança, poder de processamento e análise, baseado no pagamento por utilização.

    Vale destacar que recentemente a Embraer recebeu simultaneamente a certificação das agências de aviação civil ANAC, EASA e FAA para suas aeronaves E190-E2 e E195-E2.

    Mais:

    Acionistas da Embraer aprovam acordo com a Boeing
    'Embraer dos mares': ICN projeta futuro de parceria com a Marinha e aguarda reator nuclear
    Caça da Embraer seria 1° supersônico do Brasil
    Tags:
    Embraer, banco de dados, sistemas, jatos, jato, avião
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar