17:08 23 Julho 2019
Ouvir Rádio
    Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, discursa na Firjan, Rio de Janeiro, 20 de maio de 2019

    Bolsonaro diz que presidente do BNDES está com 'cabeça a prêmio'

    © AFP 2019 / Mauro Pimentel
    Brasil
    URL curta
    1112

    O presidente Jair Bolsonaro disse a jornalistas neste sábado (15) que o presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Joaquim Levy, está com a "cabeça a prêmio".

    "Eu já estou por aqui com o Levy. Falei para ele: 'Demita esse cara na segunda-feira ou demito você sem passar pelo Paulo Guedes'", disse Bolsonaro.

    Ao falar com jornalistas na saída do Palácio do Planalto, quando se dirigia para viagem ao Rio Grande do Sul, o presidente disse que "governo é assim", acrescentando que "gente suspeita" não pode ocupar "cargos importantes".

    "Essa pessoa, como o Levy, já vem há um tempo não sendo leal àquilo que foi combinado e àquilo que ele conhece a meu respeito. Ele está com a cabeça a prêmio já tem algum tempo", acrescentou.

    Além disso, o presidente afirmou que mandou Joaquim Levy demitir o diretor de Mercado de Capitais do BNDES, Marcos Barbosa Pinto. Acrescentou que, se Barbosa Pinto não for demitido, ele, Bolsonaro, demitirá Levy.

    Bolsonaro já havia declarado anteriormente, na ocasião em que Levy foi nomeado ao cargo, que sua indicação foi "bancada" pelo ministro da Economia, Paulo Guedes.

    Mais:

    BNDES: subsídios caíram R$ 13,5 bilhões em 2018
    BNDES financia exportação de aviões da Embraer para os EUA
    Presidente do BNDES diz que decisão de implantar moeda única exige convergência
    Tags:
    Brasil, BNDES, Jair Bolsonaro
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar