19:52 22 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Ministro da Justiça, Sergio Moro, discursa na Secretaria de Estado de Segurança Pública, Brasília, 19 de fevereiro de 2019

    Moro na web: amado por muitos, chamado de 'criminoso' por outros tantos

    © AFP 2019 / Sérgio Lima
    Brasil
    URL curta
    Por
    24141
    Nos siga no

    Internautas não param de reagir ao vazamento de "complô" entre Moro e Dallagnol, divulgado pelo site The Intercept Brasil, para dificultar "volta do PT" com a prisão de Lula. Mesmo recebendo apoio de muita gente, Sergio Moro não deixa de ser chamado de "criminoso" por uma parcela de internautas.

    A trama para impedir entrevista de Lula envolve "procuradores da Lava Jato, que passaram anos insistindo que são apolíticos", escreve o site The Intercept Brasil, referindo-se à força-tarefa liderada por Deltan Dallagnol. Além do mais, de acordo com o site, o então juiz federal e hoje ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, orientou as investigações da operação Lava Jato em Curitiba por mensagens com o procurador da República Deltan Dallagnol.

    O material surgiu no fim da noite de domingo (9), e até agora não para de ser comentado, chegando a não deixar até mesmo espaço no Twitter para assuntos que não estejam relacionados ao vazamento.

    Sergio Moro não escapou das hashtags; umas em apoio, outras contra ele. A hashtag que desde madrugada vem ganhando mais e mais adeptos e que há muito está em primeiro lugar dos assuntos mais comentados de hoje se chama #EuApoioaLavaJato, em apoio também a Moro, tido por muitos brasileiros como o sustentador da operação de limpeza da corrupção.

    O deputado federal Vítor Hugo (PSL-GO) mostrou seu apoio ao ministro da Justiça.

    ​Há quem acredite que conversas só estão sendo hackeadas de "bandidos" falsos.

    ​O ator José de Abreu deixou a pergunta no ar sobre se os passaportes de Moro e Dallagnol já foram apreendidos.

    ​Em um degrau abaixo do primeiro lugar, se encontra a hashtag #MoroCriminoso, que surgiu há pouco tempo, mas já mostra força para crescer ainda mais, tendo reunido em alguns minutos mais de 15 mil tweets contra o ministro da Justiça.

    "É preciso que Moro seja demitido imediatamente!", escreve internauta, que já recebeu muitas curtidas no tweet.

    ​O deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS) acredita que Sergio Moro cometeu todos os sete pecados capitais.

    ​"Moro e Dallagnol destruíram o nosso futuro", lamenta internauta, enumerando as perdas recentes dos brasileiros.

    Mais:

    Conversas entre Moro e Dallagnol podem anular processos da Lava Jato, dizem juízes
    Site: Moro e Dallagnol combinavam atuações na Lava-Jato
    Ministério Público diz que Lula tem direito a regime semiaberto
    Tags:
    Lula, revelação, vazamento, Twitter, lava jato, Sergio Moro
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar