18:19 19 Maio 2019
Ouvir Rádio
    Livro aberto

    Universidades federais convocam greve geral em 15 de maio contra cortes na educação

    © Foto : Pixabay
    Brasil
    URL curta
    412

    Movimentos sindicais e estudantis convocam greve geral contra cortes nas universidades federais para 15 de maio em todo o Brasil.

    A mobilização tem como objetivo protestar contra a decisão tomada pelo Ministério da Educação (MEC) de cortar 30% do orçamento das instituições de ensino do país.

    A paralisação conta com o apoio de entidades como União Nacional dos Estudantes (UNE), Federação de Sindicatos de Trabalhadores Técnico-administrativos em Instituições de Ensino Superior Públicas do Brasil (Fasubra), Andes-SN (Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior) e outras entidades.

    O MEC provisionou R$ 5,7 bilhões em cortes, segundo dados obtidos no Siop (Sistema Integrado de Planejamento e Orçamento do Governo). A iniciativa atende a um decreto de contingenciamento definido pela área econômica do governo da ordem de R$ 30 bilhões. No MEC, ele envolve, no total, 23% dos valores discricionários (que excluem despesas obrigatórias, como salários).

    Na semana passada, o governo definiu um novo bloqueio, de R$ 1,6 bilhão —o que resultará em um corte total de R$ 7,3 bilhões.

    Considerando as verbas relacionadas à educação básica, etapa que vai da educação infantil ao ensino médio, foram congelados até agora R$ 680 milhões.

    Tags:
    corte de gastos, educação, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar