03:13 09 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    295
    Nos siga no

    O líder do PSL na Câmara dos Deputados, Delegado Waldir (GO), criticou nesta segunda-feira (22) a influência que Olavo de Carvalho exerce sobre o governo Bolsonaro.

    Waldir classificou como "absurdo" o fato do escritor Olavo de Carvalho, considerado como guru da família Bolsonaro, atacar o governo e os militares.   

    "O mais absurdo é um 'guru' que vive nos EUA atacar o governo e os militares. O presidente [Bolsonaro] não pode ficar à mercê dessas pessoas e pegar a opinião do 'louco do dia'", disse em entrevista à Rádio Eldorado nesta manhã. 

    De acordo com o líder do PSL, o presidente Jair Bolsonaro "tem que dar um basta nesse astrólogo que comanda dois ministérios [Educação e Relações Exteriores], pois as pessoas querem Educação, Saúde e Segurança". 

    "Basta de discutir ideologia. Todo mundo espera isso do Brasil. Temos de dar um passo à frente, gerar emprego. Sou Bolsonaro de carteirinha, mas é preciso o governo parar de discutir o 'sexo dos anjos' com um futurólogo que mora nos EUA, é um trem muito absurdo isso", acrescentou.

    Olavo de Carvalho publicou um vídeo no último fim de semana em que fez críticas aos militares do governo. Posteriormente, o canal do presidente Jair Bolsonaro publicou o vídeo, que também foi compartilhado pelo filho Carlos Bolsonaro. Horas depois, o registro foi deletado das redes sociais. 

    Mais:

    Bolsonaro condena ataques terroristas no Sri Lanka
    Bolsonaro compara invasão de terra a terrorismo
    Professor é demitido após ser filmado criticando Bolsonaro em aula
    Bolsonaro critica suposta 'indústria da demarcação de terras indígenas'
    Tags:
    militares, PSL, Olavo de Carvalho, Jair Bolsonaro, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar