08:13 21 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Jair Bolsonaro, presidente do Brasil

    Professor é demitido após ser filmado criticando Bolsonaro em aula

    © AFP 2019 / Apu Gomes
    Brasil
    URL curta
    2725
    Nos siga no

    O professor de geografia Fabrício Cardoso, do Colégio Poliedro, de São José dos Campos, São Paulo, foi demitido após ser filmado criticando o presidente Jair Bolsonaro (PSL) durante sua aula.

    As informações são do BuzzFeed.

    Ele classificou Bolsonaro como "imbecil" e também comenta a polarização política.

    "A gente está vivendo um momento em que botaram um imbecil lá [na Presidência] que quer que preto, pobre, mulher, gay, transexual, o que for, se ferre. Isso é o pior", diz o professor.

    Após o vídeo ser publicado nas redes sociais, a página do Colégio Poliedro virou palco de comentários de críticos e de defensores do magistrado. 

    Cardoso foi demitido pelo Poliedro por não seguir a orientação de "não posicionamento político-partidário ou ideológico", segundo nota da instituição. A mesma nota ressalta que os professores não podem ser filmados sem consentimento. 

    Mais:

    Bolsonaro diz que governo precisa da mídia para que 'chama da democracia' não se apague
    Privatizar a Petrobras até 2022? Guedes sugere mais mudanças nas posições de Bolsonaro
    Bolsonaro é o único brasileiro a entrar na lista dos '100 mais influentes de 2019' da Time
    Bolsonaro: 'eu não quero e não tenho direito de intervir na Petrobras'
    Prefeito de NY agradece cancelamento de Museu e diz que Bolsonaro é racista e perigoso
    Tags:
    Jair Bolsonaro
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar