04:46 25 Julho 2021
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    Confrontos nas zonas fronteiriças da Venezuela (51)
    811344
    Nos siga no

    Um comboio com ajuda humanitária tentou entrar na Venezuela a partir do território brasileiro nesse sábado (23), mas foi detido em um posto de controle alfandegário. Antes disso, o presidente venezuelano Nicolás Maduro chamou a entrega da ajuda dos EUA de "pretexto para destruir a independência e a soberania" do Estado.

    O Brasil pediu à comunidade internacional que se junte nos "esforços pela libertação" da Venezuela. O comunicado ocorre após a tentativa fracassada de entregar ajuda humanitária ao país, informou a Reuters.

    Dois comboios transportando ajuda humanitária dos EUA, do Brasil e da Colômbia tentaram entrar em território venezuelano, mas foram detidos pelas forças militares de Caracas na tarde de ontem.

    O presidente Nicolás Maduro tem criticado reiteradamente a entrega de ajuda humanitária ao país, classificando-a como pretexto para justificar uma tentativa dos EUA de "destruir a independência e a soberania" da Venezuela.

    Tema:
    Confrontos nas zonas fronteiriças da Venezuela (51)
    Tags:
    Reuters, Nicolás Maduro, Venezuela, Brasil, Colômbia, Caracas
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar