00:27 19 Agosto 2019
Ouvir Rádio
    Gustavo Bebianno

    Gustavo Bebianno é exonerado do cargo de ministro por Jair Bolsonaro

    © Foto : José Cruz/Agência Brasil
    Brasil
    URL curta
    1685

    O ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, Gustavo Bebianno, foi exonerado hoje (18) da função por Jair Bolsonaro. A demissão do correligionário de Bolsonaro foi confirmada pelo porta-voz do governo, Otávio Rêgo Barros.

    Na nota lida por Barros à imprensa, Bolsonaro agradeceu o agora ex-ministro pela dedicação durante o desempenho da função de ministro e desejou sucesso a Bebianno na "nova caminhada".

    O porta-voz disse ainda que o presidente falou com Gustavo Bebianno na sexta-feira e desde então, não voltaram a se falar. Bebianno caiu após reportagem da Folha de S. Paulo revelar o registro de candidatura laranja em Pernambuco enquanto ele estava na presidência interina do PSL.

    Ao conversar com a imprensa, o então ministro colocou panos quentes na situação dizendo que sua permanência no governo estava assegurada e que havia falado com o presidente em três ocasiões no mesmo dia.

    Bebianno, porém, foi desmentido pelo filho de Jair Bolsonaro, o vereador do Rio de Janeiro Carlos Bolsonaro, que pelo Twitter postou um áudio em que o presidente pode ser ouvido recusando contato com o correligionário. A partir daí, a situação do dirigente do PSL no governo passou a ser insustentável e o próprio Palácio do Planalto deixou vazar à imprensa que Bebianno seria exonerado nesta segunda.

    Tags:
    Folha de S. Paulo, Palácio do Planalto, Gustavo Bebianno, Carlos Bolsonaro, Jair Bolsonaro, Brasília, Rio de Janeiro
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar