13:01 22 Abril 2019
Ouvir Rádio
    Ex-presidente do Brasil Luiz Inácio Lula da Silva

    Preso em Curitiba, Lula é condenado a quase 13 anos de prisão no caso do sítio de Atibaia

    © AP Photo / Andre Penner
    Brasil
    URL curta
    231532

    O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) foi condenado nesta quarta-feira a 12 anos e 11 meses de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro na ação penal que envolve o sítio Santa Bárbara, em Atibaia, no interior de São Paulo.

    A sentença foi dada pela juíza federal Gabriela Hardt, que substituiu o atual ministro da Justiça, Sérgio Moro, na 13ª Vara Federal de Curitiba, cidade onde Lula está preso desde abril do ano passado, condenado a 12 anos e um mês no caso do tríplex do Guarujá.

    A magistrada entendeu que procediam as acusações de que o sítio em Atibaia seria parte de propinas da ordem de R$ 1 milhão ao ex-presidente, pagas pelas empreiteiras Odebrecht, OAS e Schahin. As empresas também realizaram reformas no local.

    Oficialmente, o sítio está em nome de Fernando Bittar, filho do amigo de Lula e ex-prefeito de Campinas, Jacob Bittar. Um dos pontos levantados pelo Ministério Público foi o fato de que, em depoimento, Fernando Bittar ter negado o pagamento pelas reformas no sítio.

    No total, segundo os investigadores da Operação Lava Jato, o imóvel em Atibaia passou por três reformas: uma sob comando do pecuarista José Carlos Bumlai – outro amigo de Lula –, no valor de R$ 150 mil; outra da Odebrecht, de R$ 700 mil; e uma terceira reforma na cozinha, pela OAS, de R$ 170 mil, em um total de R$ 1,02 milhão.

    Já a defesa de Lula reforçou as negativas de propriedade dadas por Lula ao longo de todo o processo, como ocorrera antes no caso do tríplex do Guarujá.

    A condenação do petista no caso do sítio é a segunda no âmbito da Lava Jato. Um outro processo que aguarda sentença é o dos supostos pagamentos de propinas da Lula pela Odebrecht, por meio da compra de um terreno para o Instituto Lula e um apartamento vizinho ao do ex-presidente em São Bernardo do Campo.

    Mais:

    Lula não irá a São Bernardo após liberação do STF, dizem lideranças do PT
    Condenação do TRF-4 que levou Lula para cadeia completa 1 ano
    Em alegações finais, Lula critica Moro e nega ser dono do sítio de Atibaia
    Tags:
    sítio, lavagem de dinheiro, Operação Lava Jato, propina, corrupção, OAS, Banco Schahin, Odebrecht, Jacob Bittar, Gabriela Hardt, Fernando Bittar, José Carlos Bumlai, Sérgio Moro, Luiz Inácio Lula da Silva, Atibaia (SP), Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar