13:02 20 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Jair Bolsonaro, diputado y exmilitar brasileño

    Planalto: Bolsonaro deverá ter alta médica em 10 dias

    © AFP 2019 / Apu Gomes
    Brasil
    URL curta
    211
    Nos siga no

    O porta-voz da Presidência da República, Otávio do Rêgo Barros, disse nesta segunda-feira que o presidente Jair Bolsonaro deverá ter alta médica em dez dias.

    O alto funcionário do governo confirmou que Bolsonaro retornara às atividades na quarta-feira, aproximadamente às 10h. Até lá, o vice-presidente, general Hamilton Mourão, exercerá a Presidência da República.

    Rêgo Barros confirmou que a cirurgia para reconstrução do trânsito intestinal ocorreu com "êxito" e se declarou otimista com a recuperação de Jair Bolsonaro, que está sendo acompanhado pelos os filhos Carlos, Eduardo e Renan, além da primeira-dama, Michelle Bolsonaro.

    O presidente foi transferido para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI), se encontra "clinicamente estável, consciente, sem dor, recebendo medidas de suporte clínico, prevenção de infecção e de trombose venosa profunda".

    No procedimento foi feita a reconstrução do trânsito intestinal e extensa lise de aderências decorrentes das duas cirurgias anteriores, conforme o boletim do hospital. "Foi realizada anastomose do íleo com o cólon transverso, que é a união do intestino delgado com o intestino grosso", concluiu o hospital, citado pela Agência Brasil.

    Mais:

    Bolsonaro deu sinal verde para proposta que quer liberar porte de armas, diz jornal
    Internado para cirurgia, Bolsonaro se diz consternado pela 'barbaridade em Brumadinho'
    Putin presta condolências a Bolsonaro pela tragédia em Brumadinho
    'Bolsonaro soube transmitir intenções do governo brasileiro em Davos', diz embaixador
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar