06:44 08 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Brasil
    URL curta
    Mar de lama varre Brumadinho após explosão de barragem (57)
    131
    Nos siga no

    O presidente Jair Bolsonaro chegou ao local do acidente, e sobrevoa nesse momento a área atingida pelo rompimento de uma barragem da Vale, localizada no município mineiro de Brumadinho.

    O presidente decolou na manhã deste sábado (26) de Brasília e aterrissou no Aeroporto de Confins, em Belo Horizonte, informa o G1.

    O governador de Minas Gerais, Romeu Zema, e os ministros do Meio Ambiente, Ricardo Salles, e da Defesa do Brasil, Fernando Azevedo e Silva, acompanharam Bolsonaro durante o voo.

    Após o sobrevoo, espera-se que o presidente apresente medidas em relação ao desastre.

    O Corpo de Bombeiros de Minas Gerais comunicou que 13 aeronaves irão participar das buscas, além de viaturas, caminhões, cães de resgaste, drones e outros equipamentos.

    Previamente, o tenente porta-voz dos Bombeiros, Pedro Aihara, declarou que as buscas iriam continuar, pois ainda há possibilidades de haver vítimas com vida no local do desastre, enquanto que o governador de Minas Gerais disse em entrevista na noite de sexta que as chances de encontrar vítimas são mínimas.

    Aproximadamente 180 pessoas foram resgatadas e 9 morreram durante o acidente, enquanto os bombeiros estimam que haja cerca de 300 desaparecidas. 

    O acidente da barragem da Vale, cujas águas atingiram a cidade mineira na tarde de sexta-feira (25), ocorreu três anos após ao maior desastre da história da mineração, na cidade mineira de Mariana, que deixou ao menos 18 mortos.

    Tema:
    Mar de lama varre Brumadinho após explosão de barragem (57)

    Mais:

    S&P coloca nota da Vale em observação com perspectiva de queda após acidente em Brumadinho
    Tragédia em Brumadinho: chega a 9 o número de mortos por rompimento de barragem
    Venezuela presta solidariedade ao Brasil após tragédia em Brumadinho (MG)
    Tags:
    desastre, barragem, mineradora, Vale, Jair Bolsonaro, Romeu Zema, Brumadinho, Minas Gerais, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar