04:23 20 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Deputado federal Onyx Lorenzoni - DEM/RS

    Mídia: Lorenzoni usou notas emitidas por amigo para pedir R$317 mil em reembolsos à Câmara

    Luis Macedo/ Câmara dos Deputados
    Brasil
    URL curta
    1132
    Nos siga no

    O ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni (DEM) teria usado 80 notas fiscais de uma empresa de consultoria de um amigo para obter reembolsos na casa dos R$ 317 mil em verbas da Câmara dos Deputados, denunciou o jornal Zero Hora.

    De acordo com o jornal, 29 destas 80 notas foram emitidas em sequência pela RS Consultoria Sociedade Simples. O negócio pertence a Cesar Augusto Ferrão Marques, também filiado ao DEM, e que se apresenta como técnico de contabilidade mesmo sem ter o registro no Conselho Regional da categoria.

    A empresa está inapta na Receita Federal por esconder valores do fisco. A RS deve R$ 117 mil aos cofres públicos e não recolheu impostos entre janeiro de 2013 e agosto de 2018, mesmo tendo emitido notas para Lorenzoni neste período.

    Por meio de nota publicada no Twitter, o ministro negou irregularidades na contratação da empresa.

    ​"Trata-se de consultoria tributária — não apenas para projetos meus e sim aconselhamento para todos os projetos em destaque nesta questão. Além do contato telefônico sempre que necessário, são realizadas reuniões semanais em Porto Alegre", diz a nota, completando que "não há nada de irregular" na relação com a empresa.

    Tags:
    Conselho Regional de Contabilidade, RS Consultoria Sociedade Simples, Ministério da Casa-Cívil, DEM, Zero Hora, Cesar Augusto Ferrão Marques, Onyx Lorenzoni, Porto Alegre, Rio Grande do Sul
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar