01:17 12 Dezembro 2018
Ouvir Rádio
    O governador Luiz Fernando Pezão participa da solenidade em que o Exército entregou seis veículos blindados à Secretaria de Estado de Segurança (foto de arquivo)

    Governador do Rio é preso pela PF

    © Tânia Rêgo/Agência Brasil
    Brasil
    URL curta
    1183

    O governador do Rio, Luiz Fernando Pezão, foi preso na manhã desta quinta-feira (29), sendo mais uma etapa da Operação Lava Jato, informou o portal de notícia G1.

    Segundo o G1, Pezão foi detido pela Polícia Federal no Palácio Laranjeiras, residência oficial do chefe do estado.

    A operação foi realizada com base na colaboração premiada de Carlos Miranda, operador financeiro do ex-governador Sergio Cabral, que está preso. Miranda informou sobre o pagamento de mesada de R$ 150 mil para Pezão quando ele era vice de Sergio Cabral. O delator também acrescentou que na época Pezão ganhou 13º salário, além de dois bônus, de R$ 1 milhão cada.

    Além da prisão do governador, a operação tem por objetivo prender outras oito pessoas, em particular o atual secretário estadual de Obras do Rio, José Iran Peixoto, detalhou G1.

    A ordem de prisão preventiva de Pezão foi dada pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ).

    Mais:

    Querem que Lula morra na prisão, afirma presidente do PT no Senado (VÍDEO)
    Nova fase da Lava Jato apura desvios na construção da sede baiana da Petrobras
    Tags:
    delação premiada, prisão, Palácio Laranjeiras, Lava Jato, Superior Tribunal de Justiça, Polícia Federal, Luiz Fernando Pezão, Rio de Janeiro, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik