07:14 15 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Candidatos posam antes do debate na Globo

    Último debate dos presidenciáveis é marcado pela ausência do líder nas pesquisas

    © AP Photo / Silvia Izquierdo
    Brasil
    URL curta
    1210
    Nos siga no

    O último debate dos candidatos à presidência do país antes da votação do primeiro turno das eleições foi realizado pela Globo, sem a presença do líder nas pesquisas.

    Os candidatos Alvaro Dias (Podemos), Ciro Gomes (PDT), Fernando Haddad (PT), Geraldo Alckmin (PSDB), Guilherme Boulos (PSOL), Henrique Meirelles (MDB) e Marina Silva (Rede) participaram do último debate antes do 1º turno, organizado pela Rede Globo.

    O debate foi transmitido a partir dos Estúdios Globo, no Rio de Janeiro, e contou com a mediação do jornalista William Bonner.

    O candidato Jair Bolsonaro (PSL) não compareceu ao debate e foi alvo de duras críticas de todos os candidatos por esse motivo.

    Ordenar as mensagens
    • 00:46

      William Bonner encerra o debate

    • 00:46

      Reformular a política

      Domingo é dia de barrar o atraso e o patrão e o Whatsapp não estarão nas urnas, diz Boulos. Ele pediu para as pessoas não votarem com ódio.

    • 00:45

      Unir o Brasil

      Marina agradece a Deus por não compactuar com a mentira e se diz pacificadora e mal compreendida. Segundo ela, as pessoas confundem amor com fraqueza. O país não precisa de força, mas de moral. Ela afirmou ser a melhor pessoa para unir o Brasil a favor de um país mais próspero. 

    • 00:43

      Trabalho e educação

      Trabalho e educação são os fundamentos do desenvolvimento, diz Haddad. Ele cita a importância de sua convivência com Lula e diz que tudo se resolve com trabalho e educação.

    • 00:42

      Ficha limpa

      Henrique Meirelles destacou o fato de ser candidato que nunca foi envolvido em corrupção e pediu para chamarem o Meirelles.

    • 00:41

      Contra a polarização

      A divisão não vai permitir a superação da crise, vai agravar. Empate entre Haddad e Bolsonaro não permitirá a conciliação do Brasil, acrescentou o candidato do PDT. Ele disse que derrota Haddad e Bolsonaro no segundo turno e pediu voto de confiança.

    • 00:39

      Estou com consiência tranquila

      Alvaro Dias destacou todos os seus feitos no combate à corrupção e revogação dos privilêgios.

    • 00:37

      O melhor produto do Brasil são os brasileiros

      Alckmin agradece a equipe. Segundo ele, 20% dos votos são decididos nos últimos dias. Radicalismo não leva a nada, concluiu o tucano.

    • 00:37

      Termina o quarto bloco e os candidatos fazem considerações finais

    • 00:32

      Alvaro Dias pergunta sobre corrupção a Haddad

      Dias diz existir uma conspiração contra a operação Lava Jato e pergunta qual será a postura do governo de Haddad.

      Haddad diz que o PT deu mais autonomia e mais recursos para o Ministério Público e para as polícias e que defende criar todas as condições para combater a corrupção.

      Por outro lado, o petista falou contra a partidarização dos processos contra a corrupção.

      Dias rebate que Haddad está "atirando palavras ao vento".

      O político do PT replicou que seu partido criou as leis mais duras contra a corrupção que já existiram no país.

    • 00:28

      Marina pergunta a Boulos sobre Impostos

      Boulos ataca programa de Bolsonaro sobre impostos e o sistema de imposto em geral no Brasil. "Estado Brasileiro é um Robin Hood ao contrário", disse ele.

      Marina promete usar imposto para criar a "renda jovem", uma poupança para jovens possam estudar em universidades.

    • 00:23

      Ackmin pergunta Dias sobre Educação

      Dias diz que a população está cansada de propostas sem explicações sobre como essas propostas serão realizadas. O político do Podemos, no entanto, defendeu o foco na primeira infância.

      Alckmin concordou com a importância do tema e revelou que este também será o foco do seu governo.

    • 00:18

      Boulos pergunta Alckmin sobre Saneamento

      "Saneamento é um negócio ou um direito?", pergunta o político do PSOL.

      Alckmin defende a importância do saneamento básico, diz que o governo não deveria tributar água e esgoto. No caso de um bom marco regulatório, Alckmin defende aporte de investimento privado em empresas estatais.

      "Água não pode ser mercadoria", rebate Boulos.

       

    • 00:15

      Meirelles e Alckmin conversam sobre Bolsa Família

      Alckmin defende que o Bolsa Família foi criada por FHC, destacou a importância do programa e prometeu criar condições para que as pessoas saiam do programa.

      Meirelles defendeu a criação de mais empregos para diminuir a dependência das famílias do programa.

      Alckmin promete diminuir a desigualdade e aumentar o salário mínimo.

    • 00:09

      Ciro convida Meirelles para falar sobre Segurança

      Ciro lembra que a população mais pobre, negros e mulheres são os mais afetados pela violência. Ciro também criticou o congelamento dos gastos públicos, adotado pelo governo Temer.

      Meirelles propõe integração das polícias e disse que o corte de gastos foi necessário.

    • 00:05

      Ciro critica proposta de reforma da Previdência de Temer

      Haddad concorda com as críticas de Ciro e defende criação de regras específicas para cada setor, renda e região. Trabalhador não pode pagar a conta do ajuste fiscal, afirma Haddad.

      Ciro lembra de suas raízes nordestinas.

    • 00:03

      Começa o quarto e último bloco

      William Boner sorteia os temas. Haddad pergunta Ciro sobre Previdência.

    • 00:00

      Termina o terceiro bloco

    • 23:56

      Alckmin elogia a segurança pública em São Paulo e cobra Marina

      Marina diz que o PCC, de São Paulo, está indo para estados que não tem condições de lidar com esse tipo de crime. Marina prometeu integração nacional para combater crime organizado. Segundo ela, São Paulo exporta violência para o resto do Brasil.

      Alckmin diz ser importante reconhecer avanços em seu estado. 

    • 23:51

      Haddad e Boulos conversam sobre Educação

      "Precisamos retomar o investimento em educação pública no Brasil", diz Boulos.

      O candidato do PSOL cobrou mais vagas em universidades públicas e por auditoria em universidades privadas. 

    • 23:47

      Alvaro Dias acusa PT de mentira

      Dias pergunta opinião de Alckmin sobre o PT. Alckmin volta a criticar o PT, mas afirma que a direira radical não é solução.

      "Não podemos ir para um segundo turno de extremos", afirmou o tucano.

    • 23:41

      Ciro pergunta Meirelles

      Ciro pergunta a Meirelles sobre Bolsonaro. Meirelles fala que Bolsonaro está fugindo do debate e do compromisso com a população.

      "Quem quer governar o país precisa se expor", diz o candidato do MDB.

      "Eu não acredito que a população brasileira vai assumir essa aventura", continuou Meirelles ao responder Ciro, que lembrou as recentes contradições entre os membros da campanha do Bolsonaro.

    • 23:36

      Boulos diz que não vai chamar o Meirelles

      Candidato do PSOL pergunta como Meirelles pretende combater a corrupção fazendo parte do governo Temer.

      Meirelles responde que é "ficha limpa", faz parte do movimento dos "sem processos", lembra do seu trabalho nos governos de Lula e Temer e diz que o que importa é o trabalho.

      Boulos fala que banqueiro não trabalha.

      Meirelles afirma ter criado mais de 2 milhões de emprego durante sua gestão no governo Lula e promete replicar a experiência.

    • 23:32

      Meirelles chama Ciro

      "Como vamos resolver o problema das creches para crianças carentes no Brasil?", pergunta o candidato do MDB.

      Ciro promete mais creches e destaca a importância do desenvolvimento das crianças desde a idade menos avançada. 

    • 23:30

      Marina cobra autocrítica do PT

      "Lamentável que vc não reconheça nenhum dos erros", diz Marina. Haddad volta a defender o governo do PT e a sua gestão no ministério da Educação.

    • 23:29

      Marina fala que Bolsonaro "amarelou" e é aplaudida pela plateia

    • 23:26

      Terceiro bloco tem tema livre e duas perguntas

    • 23:21

      Termina o segundo bloco

    • 23:18

      Ciro pergunta Boulos sobre Segurança

      Boulos critica guerra às drogas e as propostas de segurança de Jair Bolsonaro. O problema das drogas deve ser encarado como problema de saúde pública, segundo o candidato do PSOL.

      Ciro alerta que Bolsonaro é apoiado por fabricantes de armas e destaca sua ausência no debate.

      "Precisamos rever o modelo de segurança pública no Brasil", complementa Boulos. "Não queremos construir presídios, queremos construir escolas", acrescentou.

    • 23:14

      Haddad e Ciro conversam sobre desenvolvimento sustentável

      O candidato do PT pediu opinião de Ciro sobre meio ambiente e sua relação com a produção agrícola.

      Ciro promete defender desenvolvimento sustentável e desenvolver novas formas de produção do setor agrícola, defendendo as populações tradicionais.

      Haddad aponta para a atividade dos ruralistas, no sentido de dificultar a modernização do setor.

      Ciro diz ter capacidade de promover as mudanças que o PT não conseguiu nos últimos 14 anos e prometeu combater o fascismo, encarnado na figura de Jair Bolsonaro. 

    • 23:11

      Meirelles tem direito de resposta atendido, após ser acusado de cúmplice da corrupção por Dias

      Segundo Meirelles, Alvaro Dias está confuso sobre a lei da ficha limpa e reafirma não ter sido processado nenhuma vez.

    • 23:06

      Alckmin pergunta Marina sobre Transportes

      O problema dos transportes no Brasil faz parte do "custo Brasil", diz o tucano.

      Marina promete investir em infraestrutura sustentável e economicamente e socialmente justa.

      Alckmin promete buscar investimento estrangeiros e inciativa privada para melhorar transporte urbano e solicionar problemas de logística no país.

      Marina também promete envolver iniciativa privada para solicionar problemas de infraestrutura e desenvolvimento dos transportes, principalmente na Amazônia.

    • 23:01

      Dias escolhe Haddad para falar de Gastos Públicos

      Dias chama Haddad de representante do "verdadeiro candidato do PT".

      Haddad cobra mais compostura de Dias. 

      O candidato do Podemos diz que o PT não sabe governar e que roubou dinheiro da Petrobras e não conclui a pergunta após estourar o seu tempo.

      "Você está atrapalhado em termos de tempo e de espaço", diz Haddad.

      O petista defendeu as conquistas do PT e que a Petrobras cresceu mais de 10 vezes durante a gestão do seu partido.

    • 22:59

      Podemos melhorar o SUS

      Meirelles promete melhorar o SUS, promover modernização do sistema. O candidato ressaltou ser "ficha limpa".

      Alvaro Dias rebate que a lei da ficha limpa não contempla os cúmplices.

    • 22:56

      Meirelles chama Dias para falar de Saúde

      O candidato do partido do Temer pergunta sobre soluções para a Súde no Brasil. "Não roubar", responde Alvaro Dias.

      O candidato do Podemos acusa Meirelles de ter contribuido para os problemas atuais, por ter sido membro "olímpico" do governo Dilma Rousseff.

    • 22:51

      Marina chama Meirelles

      Os candidatos recebem temas sorteados pelo apresentador para perguntar ao oponente de escolha de cada político. Marina recebe o tema - legislação trabalhista - e chama o Meirelles.

      Meirelles defende justiça social, mas com eficiência.

    • 22:46

      Boulos ataca Alckmin e questiona o conceito de "custo Brasil" no início do segundo bloco dos debates

      Alckmin diz que a reforma trabalhista não tirou direito nenhum. Custo Brasil "é uma barbaridade", diz Alckmin. O candidato do PSDB defende reforma tributário. "Temos impostos demais e [eles] são muito altos", afirmou o tucano. O candidato também promete reforma bancária.

      Nem PT nem Bolsonaro, concluiu ele.

    • 22:43

    • 22:42

      Termina o primeiro bloco

    • 22:38

      Marina para Dias

      Marina concorda com de que não existem "salvadores da pátria" e questiona o projeto de Dias. Alvaro Dias defende o combate à corrupção e a Lava Jato. 

    • 22:34

      Pessoas deram a vida pela democracia de hoje

      Boulos alertou para o perigo do retorno da ditadura. Segundo ele, a retórica com apelo ao ódio e violência da "turma de Bolsonaro" ameaçam a democracia. "Ditadura nunca mais", disse Boulos e a plateia aplaude. Bonner pede para a plateia não se manifestar.

    • 22:33

      Haddad para Boulos

      Haddad menciona a proposta de introdução do CPMF e corte de direitos trabalhistas defendida pela campanha do candidato Jair Bolsonaro (PSL).

    • 22:28

      Meirelles para Ciro

      Meirelles questiona o apreço do eleitor à ideia de um "salvador da pátria". Ciro diz que é necessário votar em projetos e não em políticos. 

    • 22:25

      Privatizações e geração de emprego

      Alckmin promete privatizações, investimento estrangeiro e geração de emprego. Boulos contesta o candidato do PSDB e volta a criticar a reforma trabalhista. 

    • 22:23

      Guilherme Boulos (PSOL) para Geraldo Alckmin (PSDB)

      O candidato do PSOL critica a postura política do PSDB que "corta direitos dos trabalhadores". Alckin nega corte de direitos e diz que sindicatos ligados ao PT e PSOL são corporativistas.

    • 22:21

      Dias pede para Haddad entregar perguntas por escrito ao Lula

      O candidato critica corrupção e diz que não adianta chamar o Meirelles, brincando com o lema de campanha do candidato do partido de Michel Temer. Meirelles rebate que nunca foi processado, defendeu a Lava Jato e equipes técnicas no governo.

    • 22:19

      Alvaro Dias (Podemos) para Henrique Meirelles (MDB)

      Alvaro Dias diz que o candidato do PT não está presente, mas não consegue concluir a pergunta a tempo. Seu microfone é cortado. Risos na platéia.

    • 22:18

    • 22:17

      Quem escolheu Temer foi o PT

      Alckmin rebate críticas e prometa mais responsabilidade, do que teve o PT. Haddad acusa PSDB de cortar direitos sociais e diz que PT não participa do governo Temer, ao contrário do partido do seu oponente. 

    • 22:13

      Geraldo Alckmin (PSDB) para Fernando Haddad (PT)

      Alckmin questiona decisões econômicas do PT durante os últimos governo. Haddad enumera as conquistas dos governos do PT, como a redução da dívida externa e criticou PSDB por levar o país à atual crise. 

    • 22:12

      Brasil precisa construir um novo caminho

      Ciro concorda com Marina. Marina pede que as pessoas votem sem a motivação do medo. 

    • 22:11

      Unir o Brasil

      Marina promete governar com todos e sem preconceitos contra ninguém. A candidata pediu menos ódio e diz ter previsto há anos a atual polarização na política. 

    • 22:09

      Ciro (PDT) para Marina (Rede)

      Ciro pergunta se o próximo presidente tará capacidade de governar e se exite o risco de mais um impeachment.

    • 22:06

      Começa o debate

      Debate acontece nos Estúdios Globo, no Rio. William Bonner pediu aplausos aos candidatos e foi atendido de forma efusiva.

    Ao vivo
    Último debate dos presidenciáveis é marcado pela ausência do líder nas pesquisas
    +
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar