14:26 15 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Presidente da Rússia, Vladimir Putin, e o presidente do Brasil, Michel Temer

    Rússia e Brasil celebram 190 anos de relações diplomáticas

    © REUTERS / Sergei Karpukhin
    Brasil
    URL curta
    1150

    A Rússia e o Brasil comemoram nesta quarta-feira (3) o aniversários de 190 anos do estabelecimento de relações diplomáticas entre os dois países.

    Em comunicado enviado à imprensa, a diplomacia brasileira informou que o ministro das Relações Exteriores Aloysio Nunes Ferreira enviou uma carta ao chanceler russo, Sergei Lavrov, em alusão à comemoração da data. 

    "As relações diplomáticas entre o Brasil e a Rússia, iniciadas em 3 de outubro de 1828, foram alçadas ao patamar de 'Parceria Estratégica" em 2002. Nos últimos anos, encontros ministeriais e presidenciais marcaram a retomada da agenda de alto nível entre os dois países", diz a nota. 

    "Desde então, verifica-se importante adensamento do diálogo nas mais diversas instâncias, seja no âmbito bilateral ou em foros como as Nações Unidas, o BRICS e o G20", destaca a chancelaria brasileira. 

    O comunicado observa que a "Rússia é o maior parceiro comercial do Brasil na Europa do Leste" e que a "corrente de comércio entre os países alcançou US$ 5,3 bilhões em 2017, crescimento de mais de 20% em relação a 2016". 

    "Ao celebrar a tradicional cooperação entre o Brasil e a Rússia, o governo brasileiro reitera seu compromisso de continuar trabalhando com o governo russo para fortalecer ainda mais os laços que unem os dois países", conclui o Itamaraty. 

    Mais:

    Moeda única do BRICS poderia substituir dólar, afirma deputado russo
    Chanceleres do BRICS fazem reunião às margens da Assembleia Geral da ONU
    Brasil pode retomar exportação de carne suína para a Rússia no fim do mês
    Parceria com a Rússia pode fazer Brasil pular etapas na corrida espacial
    Rússia oferece ao Brasil assistência no desenvolvimento de foguetes
    Tags:
    relações diplomáticas, Itamaraty, BRICS, Rússia, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik