06:12 22 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Itens salvos do Museu Nacional são armazenados em frente ao edifício em chamas

    UFRJ celebra contrato para obras emergenciais no Museu Nacional

    © AP Photo / Leo Correa
    Brasil
    URL curta
    Incêndio devora Museu Nacional do Brasil (16)
    101

    A Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) assinou nesta sexta-feira o contrato com a empresa de engenharia Concrejato, que realizará as obras emergenciais no Museu Nacional.

    Na noite do domingo, em 2 de setembro, por volta das 19h30 locais, fogo descontrolado abalou a primeira instituição científica na história do Brasil, Museu Nacional no Rio de Janeiro. De acordo com os cálculos, o acervo da instituição desfrutava de 20 milhões de itens com destaque especial dado à coleção egípcia, que começou a ser reunida ainda pelo imperador Dom Pedro I. Já que as chamas se irromperam após o fechamento do museu, estas acabaram não provocando nenhumas vítimas mortais, porém, o prejuízo cultural provocado pelo desastre sem razão estabelecida é de enormes proporções.

    A assinatura acontece um dia depois da liberação de R$ 8,9 milhões pelo Ministério da Educação. A preparação do canteiro de obras começou ainda na sexta. As primeiras obras serão de reforço estrutural das paredes e de áreas com risco de desabamento, informou Agência Brasil.

    A segunda etapa contempla a instalação de uma cobertura no prédio, pois a grande parte de seu telhado desabou durante o incência. 

    Além disso, estão previstos projetos para o interior do palácio.

    Nos últimos 10 anos o Brasil já assistiu à destruição de inúmeros artefatos em incêndios em diversos prédios, como o Instituto Butantã, o Memorial da América Latina, o Museu da Língua Portuguesa e a Cinemateca Brasileira, em São Paulo.

    Tema:
    Incêndio devora Museu Nacional do Brasil (16)

    Mais:

    Tragédia do Museu Nacional pode continuar com fim de políticas públicas
    'Efeito Museu Nacional': por que MPF exige fechamento de museus federais do Rio?
    Nova agência assume responsabilidade por reconstrução do Museu Nacional
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik