04:33 19 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    Lula é recebido pela militância do PT na chegada para depoimento ao juiz Sérgio Moro

    Defesa tenta suspender no TSE decisão que barrou candidatura de Lula

    Ricardo Stuckert/Fotos Públicas
    Brasil
    URL curta
    853

    A defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) entrou na noite deste sábado com um pedido para suspender a decisão que barrou a candidatura presidencial do petista, faltando menos de um mês para o pleito.

    Caberá à ministra Rosa Weber, presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), analisar o novo pedido da defesa do ex-presidente. Há oito dias, a Corte rejeitou a candidatura por seis votos a um.

    Houve na sequência um recurso junto ao Supremo Tribunal Federal (STF), mas o ministro Celso de Mello rejeitou o pedido, deixando porém aberta a possibilidade de um novo pedido ao TSE.

    Segundo o G1, a defesa de Lula também pediu o aumento do prazo para a substituição do candidato à Presidência da República na chapa do PT. Pelo cenário atual, o partido tem até terça-feira para efetuar a mudança, mas os advogados querem que o prazo vigore até uma decisão final do TSE sobre a possibilidade do petista ser candidato.

    Pela lei eleitoral, o PT terá de definir a situação até o dia 17 de setembro, quando faltarão 20 dias para as eleições – prazo máximo para a alteração nas chapas inscritas.

    Preso em Curitiba desde abril, Lula foi enquadrado pela Lei da Ficha Limpa por sido condenado por órgão colegiado, o Tribunal Regional Federal da Quarta Região (TRF-4), a 12 anos e 1 mês de prisão por corrupção no caso do tríplex do Guarujá.

    Mais:

    Bolsonaro lidera com quase o dobro de Marina e Ciro na primeira pesquisa sem Lula
    Partido Novo quer Lula fora de propaganda eleitoral do PT e recorre ao TSE
    Judiciário vive semana vergonhosa, diz PT em nota sobre Lula
    Tags:
    candidatura, Operação Lava Jato, corrupção, tríplex, Eleições 2018, Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF), STF, PT, TSE, Luiz Inácio Lula da Silva, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik