19:09 15 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    Guilherme Boulos, coordenador do MTST, durante protesto contra o governo Michel Temer em São Paulo

    Confira como foi a sabatina de Guilherme Boulos do PSOL na Record

    Roberto Parizotti/ CUT
    Brasil
    URL curta
    335

    A Record promove sabatina com os candidatos à presidência do Brasil em 2018. Jair Bolsonaro (PSL) abriu os trabalhos na terça (14) e Cabo Daciolo (Patriota) deveria ter participado ontem, mas desistiu em virtude do retiro espiritual que está fazendo. Nesta quinta é a vez do candidato do PSOL, Guilherme Boulos.

    Ordenar as mensagens
    • 19:19

      Termina a sabatina de Guilherme Boulos, do PSOL, na Record

      As entrevistas do canal voltam na próxima segunda-feira (20) com o candidato Geraldo Alckmin, do PSDB. Nos dias posteriores, a Record contará ainda com Ciro Gomes (21), Henrique Meirelles (22), Alvaro Dias (24) e Marina Silva (25). O "candidato do PT" está agendado para ser sabatinado no dia 23, mas o canal não permitirá a substituição de Lula por Haddad.

    • 19:18

      Entenda o que é a reforma trabalhista mencionada por Boulos na sabatina da Record

      Mudanca trabalhista

      A Reforma Trabalhista em detalhes: Como é, o que muda e para quem muda

      Com votação esperada para a próxima semana, a Reforma Trabalhista (PL 6787/16) ainda divide muitas opiniões dentro e fora do Congresso Nacional. Quem é a favor argumenta que a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) está ultrapassada. Quem é contra afirma que o projeto quer mesmo é tirar direitos dos trabalhadores.
      Mostrar mais
    • 19:16

      "Brasil é o país que mais mata LGBTs no mundo"

      Boulos diz ver a necessidade de discutir machismo e homofobia nas escolas. O candidato do PSOL declarou ainda que não vê a questão como "ideologia de gênero", mas como uma questão de respeito e medida para reduzir o preconceito.

    • 19:14

      Boulos diz defender o direito do povo venezuelano em decidir os rumos da crise

      "Nós temos que respeitar a autodeterminação dos povos, nós não queremos que os Estados Unidos venham aqui e nos governe, não podemos fazer isso com os outros", diz Boulos ao negar intenção de interferir na Venezuela.

    • 19:12

      Boulos diz que dará indulto a Lula caso seja eleito. "Não vamos tolerar injustiças"

      O candidato afirmou que o indulto está previsto na Constituição brasileira e em outras partes do mundo para corrigir injustiças e vícios de processos judiciais. Nesse sentido, concederia o perdão ao ex-presidente Lula. "Não só isso, ajudaria a colocar na cadeia quem não está, Michel Temer é um deles".

    • 19:09

      "Democracia não pode ser apenas ir lá e apertar um botão a cada quatro anos", diz Boulos ao defender aumento de referendos

      O candidato do PSOL dá como exemplo a reforma trabalhista proposta por Michel Temer e aprovada pelo Congresso. Boulos diz que, caso tivesse sido apresentada para aprovação popular, a reforma não sobreviveria.

    • 19:07

      Candidato do PSOL promete taxar grandes fortunas e fazer reforma tributária

      Quando questionado sobre mexer "nos privilégios do funcionalismo público", Boulos respondeu dizendo que mexerá nos salários mais altos, mas que é preciso fazer distinções.

      "Altas cúpulas sim, mas precisamos fazer mais uma vez a separação do joio do trigo, não dá para generalizar. Professor é funcionário público, gari é funcionário público".

    • 19:06

      Conheça as propostas apresentadas por Boulos ainda como pré-candidato

      Guilherme Boulos, coordenador do MTST, durante protesto contra o governo Michel Temer em São Paulo

      Boulos ataca Bolsonaro e promete plebiscito ao ser confirmado pelo PSOL à Presidência

      Agora é oficial. Líder do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), Guilherme Boulos foi confirmado pelo PSOL como o candidato do partido para as eleições presidenciais de outubro. E em evento realizado neste sábado, em São Paulo, ele anunciou o que será a sua primeira medida, caso eleito.
      Mostrar mais
    • 19:04

      "Nenhum país nunca saiu da crise sem investimento público e isso vale para o Brasil também", diz candidato

      Boulos menciona seu programa "Levanta Brasil", que investirá em áreas de saneamento, educação, infraestrutura, moradia, etc. Ele, porém, não respondeu se procuraria o empresariado brasileiro para participar do projeto e propôs criar empresas estatais para realizar as obras necessárias para o projeto.

    • 19:01

      Boulos inicia negando sobre a suposta participação de facções criminosas no MTST

       

      Candidato diz que informação é imprecisa e não fala do MTST. "A luta por moradia é muito digna, mas precisamos separar o joio do trigo. Se alguém se infiltrou, ela tem que ser separada, mas essa questão não fala do MTST".

    • 19:00

      Candidato sorteado para falar na noite de ontem (15), Daciolo não participou da sabatina

      Cabo Daciolo em sessão da Câmara dos Deputados.

      Cabo Daciolo não aparece para sabatina da TV Record

      Após Jair Bolsonaro (PSL) na terça-feira (14), nesta quarta-feira (15) seria a vez do candidato à Presidência da República, Cabo Daciolo (Patriota), ser sabatinado na TV Record. No entanto, o candidato não apareceu para a entrevista marcada.
      Mostrar mais
    • 18:58

      Leia como foi a sabatina de Jair Bolsonaro na terça-feira

      Deputado federal Jair Bolsonaro (PSL), pré-candidato à presidência do Brasil em 2018, durante evento da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica) em São Paulo

      Bolsonaro é sabatinado na TV Record

      O deputado federal Jair Bolsonaro (PSL-RJ) inaugura nesta terça-feira, na TV Record, a série de sabatinas da televisão aberta com os candidatos à presidência da República.
      Mostrar mais
    Tags:
    PSOL, Guilherme Boulos, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik