03:07 22 Julho 2019
Ouvir Rádio
    Operação Vulcão, realizada pelo Exército, destruiu 100 mil armas em todo o país

    Exército brasileiro destrói mais de 8.500 armas no Rio de Janeiro

    G.Dettmar/Agência CNJ/Fotos Públicas
    Brasil
    URL curta
    0 04

    O Exército brasileiro destruiu mais de 8.500 armas nesta quarta-feira no estado do Rio de Janeiro.

    "Um total de 8.549 armas serão destruídas, incluindo prendidas, voluntariamente entregues e mais de 2.000 armas inutilizáveis que foram coletadas em quartéis da Polícia Militar do estado do Rio de Janeiro", informou no Twitter o Escritório de Intervenção Federal do Rio de Janeiro.

    As armas entregues pela polícia, que foram destruídas com um rolo compressor, foram submetidas a testes que concluíram que estavam obsoletas e sem condições de uso.

    A medida faz parte das operações que as Forças Armadas estão realizando no estado do Rio de Janeiro no contexto da intervenção federal decretada pelo governo em fevereiro passado.

    Em meados desse mês, o governo de Michel Temer autorizou que os militares comandassem a área de segurança pública daquele estado substituindo as autoridades locais, sob o argumento de que havia uma onda de violência fora de controle.

    Mais:

    Temer: Brasil condena uso de armas químicas e vê conflito sírio com preocupação
    'Senhor das Armas' atrás das grades: Maior traficante de armas do Brasil é preso nos EUA
    100 mil armas destruídas: uma gota no mar de violência no Brasil
    Tags:
    intervenção federal, segurança, violência, destruição, armas, Exército Brasileiro, Rio de Janeiro, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar