19:42 18 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Mike Pence, candidato para vice-presidência pelo Partido Republicano, no congresso republicano em Cleveland, 20 de julho,2016

    Agora vai? Após 'fugir' de Temer duas vezes, vice de Trump confirma que virá ao Brasil

    © REUTERS / Jonathan Ernst
    Brasil
    URL curta
    304

    O vice-presidente estadunidense Mike Pence anunciou nesta quinta-feira que visitará o Brasil, o Equador e a Guatemala durante a última semana de junho.

    Ele começará o seu giro no dia 26 de junho em Brasília, onde se encontrará com o presidente Michel Temer (MDB). Na sequência ele irá até Manaus, capital do estado do norte do Amazonas, que faz fronteira com a Venezuela.

    O vice-presidente deixou claro que, durante sua viagem, tentará chamar a atenção para a profunda crise humanitária na Venezuela.

    É a terceira possibilidade do vice do presidente norte-americano Donald Trump de visitar o Brasil. Em 2017, Pence ignorou Brasília em um giro pela América do Sul. Neste ano, uma visita em maio acabou adiada para que ele ajudasse Trump com a cúpula com a Coreia do Norte.

    Mais tarde, Pence se encontrará com o presidente equatoriano, Lenin Moreno, em Quito, no dia 27 de junho, e no dia seguinte concluirá sua viagem com uma parada na Guatemala, em sua terceira turnê na América Latina em menos de um ano.

    Ele anunciou sua viagem em um momento em que a Guatemala está lidando com a crise causada pela erupção do Volcán de Fuego, que matou pelo menos 110 pessoas e deixou outras 200 desaparecidas.

    Em seu discurso na quinta-feira no Café da Manhã de Oração com Líderes Hispânicos, Pence disse que os Estados Unidos estão ajudando a transferir vítimas que sofreram queimaduras para receber atendimento médico e observou que suprimentos de ajuda foram enviados a pedido do governo do presidente guatemalteco Jimmy Morales.

    "Continuaremos a apoiar o povo da Guatemala em sua recuperação e reconstrução porque é isso que os bons vizinhos fazem", declarou.

    Mais:

    Vice-presidente dos EUA visitará Brasil e Equador para discutir crise na Venezuela
    Vice dos EUA adia vinda ao Brasil para se focar no encontro entre Trump e Kim
    EUA pedem que Brasil, Chile, México e Peru rompam laços diplomáticos com Coreia do Norte
    Tags:
    crise na venezuela, refugiados venezuelanos, vulcão, diplomacia, visita, Lenin Moreno, Mike Pence, Jimmy Morales, Donald Trump, Michel Temer, Estados Unidos, Guatemala, Quito, Amazonas, América do Sul, Brasília, Uruguai, Venezuela, Equador, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik