16:50 23 Junho 2018
Ouvir Rádio
    Aeronaves no pátio

    Infraero: oito aeroportos continuam sem combustível

    Rafael Neddermeyer/ Fotos Públicas
    Brasil
    URL curta
    0 10

    Apesar do fim da greve dos caminhoneiros, oito aeroportos administrados pela Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) ainda enfrentam falta de combustível na noite desta quarta-feira.

    Os aeroportos de Uberlândia e Montes Claros, em Minas Gerais, Campina Grande, na Paraíba, Juazeiro do Norte, no Ceará, Palmas no Tocantins, Imperatriz, no Maranhão, Londrina, no Paraná, e em Belém, no Pará, ainda estão sem querosene, informou Infraero. 

    O órgão explicou em comunicado que os aeroportos estão funcionando e podem receber pousos e decolagens. Nos terminais em que o abastecimento está indisponível, as aeronaves que chegarem só poderão decolar se tiverem combustível suficiente para a próxima etapa do voo.

    A Infraero recomendou aos passageiros consultar companhias aéreas sobre a situação de seus voos. Já os operadores de aeronaves devem planejar os voos de acordo com a disponibilidade de combustível na rota pretendida, informou o comunicado.

    Mais:

    Justiça proíbe petroleiros de cortar combustível para prefeitura de SP
    Combustível para protestos: após caminhoneiros, petroleiros também anunciam greve
    Venda do pré-sal a empresas estrangeiras pode impactar o preço do combustível no Brasil?
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik