18:58 13 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    Firefighters try to extinguish a fire at a building in downtown Sao Paulo, Brazil May 1, 2018

    Curto-circuito causou incêndio em prédio que desabou em SP, afirma a polícia

    © REUTERS / Paulo Whitaker
    Brasil
    URL curta
    110

    A Polícia Civil de São Paulo concluiu nesta quinta-feira que um curto-circuito em uma tomada no quinto andar causou o incêndio no prédio que desabou no Largo do Paissandu, no centro de São Paulo. Quatro pessoas seguem desaparecidas.

    Segundo os investigadores, uma tomada em um apartamento no quinto andar, na qual estavam ligados uma geladeira, um micro-ondas e uma televisão teria dado início ao fogo, que se alastrou rapidamente por todo o edifício, que desabou pouco depois.

    A conclusão foi possível após o depoimento da moradora do apartamento 55, onde o incêndio começou, Walquíria Camargo do Nascimento. Ouvida por policiais do 3° Distrito Policial, ela teria confirmado o curto-circuito. Ela, o marido e uma filha estão internados.

    A polícia agora vai apurar se cabe responsabilidade a alguém pelo incêndio e pelo desabamento do edifício Wilton Paes de Almeida, ocorrido no último dia 1° de maio. Também nesta quinta-feira, a Defesa Civil condenou um prédio vizinho ao que foi ao chão.

    Enquanto isso, o Corpo de Bombeiros segue com os trabalhos de resfriamento e de buscas aos quatro desaparecidos e retirada dos escombros da edificação que pegou fogo. Duas escavadeiras, um trator e caminhões começaram a ser usados na retirada de entulho.

    Mais:

    Bombeiros de SP atualizam para 34 número de desaparecidos em incêndio
    Incêndio de grandes proporções interdita uma das principais rodovias do Rio de Janeiro
    Temer é hostilizado ao visitar local do desabamento em SP
    Tags:
    sem-teto, ocupação, desabamento, fogo, incêndio, Defesa Civil, Polícia Civil, Walquíria Camargo do Nascimento, São Paulo, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik