03:55 18 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    A linha 13 em Guarulhos, São Paulo

    Pronta para a Copa errada: Linha de trem prevista para 2014 é entregue em São Paulo

    © Foto: Divulgação/CPTM
    Brasil
    URL curta
    432

    Prevista para ser entregue antes da Copa do Mundo de 2014, a Linha de Trem 13 Jade, ligando a zona leste de São Paulo até o aeroporto internacional de Cumbica, em Guarulhos, foi entregue hoje pelo governador Geraldo Alckmin.

    A estação, localizada atrás do estacionamento do Terminal 1, pode ser acessada por meio de ônibus circulares oferecidos regularmente pelo próprio aeroporto a cada 15 minutos. São três estações, distribuídas ao longo de 12 quilômetros ao custo de R$2,3 bilhões. Como ainda funcionará na modalidade de testes, a linha circula nos próximos dois meses apenas aos  sábados e domingos, das 10h às 15h.

    A expectativa da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) é atender a 120 mil passageiros por dia.

    Atraso de 14 anos

    Embora tenha sido prevista para a Copa do Mundo, a promessa de um trem ligando o principal aeroporto do país ao centro de São Paulo é antiga e foi feita pelo próprio Alckmin durante sua primeira gestão, no início dos anos 2000. A ideia era finalizá-la em 2004.

    1 / 2
    A linha 13 em Guarulhos, São Paulo

    Em 2007, o então governador José Serra anunciou a entrega para 2010, mas próximo do prazo e sem interesse de companhias privadas para tocar a obra, a linha foi postergada em 2009 para ser entregue na Copa de 2014. O projeto voltou à mesa do governador em 2015, prevista para o fim de 2017 e adiada novamente em setembro do ano passado para março de 2018.

    Em julho, a linha deve se integrar ao resto do sistema de transporte e o governo espera inaugurar o chamado "Expresso da Luz" em julho. Será um trem saindo da Estação da Luz, no centro de São Paulo, direto para Cumbica ao custo de R$8. A viagem deve durar 32 minutos.

    Durante o evento de inauguração, o governador anunciou planos de extensão da linha. “O mais caro está feito: a transposição sobre o Rio Tietê, sobre a Dutra e sobre a Ayrton Senna”, completou Alckmin. “A tendência é que caminhe para atender outras regiões de Guarulhos”.

    Tags:
    Terminal 1, Copa do Mundo de 2014, Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), José Serra, Geraldo Alckmin, Guarulhos, São Paulo
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik