00:11 25 Abril 2018
Ouvir Rádio
    Plataforma de extração de petróleo da estatal Petrobras perto do litoral do estado de Espírito Santo, Brasil, dezembro de 2015 (foto de arquivo)

    Empresa petroleira russa Rosneft ganha cada vez mais terreno no Brasil

    © AFP 2018 / VITORIA VELEZ
    Brasil
    URL curta
    6194

    A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) autorizou a participação de 14 empresas, inclusive a gigante russa Rosneft, em seu próximo leilão, comunica a Sputnik.

    Ademais, foram sancionadas as solicitações da Petrobras, ExxonMobil, Shell, Total, entre outras. O leilão terá lugar em 29 de março e venderá no total 70 campos de exploração de hidrocarbonetos, em uma área superior a 95 mil quilômetros quadrados. Em meados de fevereiro, a Rosneft começou a perfuração na Bacia do Solimões, onde a companhia russa planeja encontrar jazidas de gás.

    Vale assinalar que 45% da área do Solimões passaram para a Rosneft na sequência da compra da TNK-BP em 2013, tendo os restantes 55% sido adquiridos por US$ 55 milhões (mais de R$ 110 milhões) em 2016.

    Hoje em dia, a Rosneft tenta otimizar os investimentos em projetos estrangeiros. Deste modo, em 2018 a empresa saiu do capital da companhia italiana Saras, mas, por exemplo, mantém ativos na Venezuela (alguns projetos de exploração de petróleo pesado).

    Já os projetos brasileiros podem garantir a chamada sinergia com os venezuelanos, assegura a Rosneft. Por exemplo, caso seja encontrado petróleo no Brasil, este poderia ser misturado com o petróleo pesado de Caracas para melhorar as características do combustível.

    Mais:

    Arábia Saudita diz adeus ao petróleo?
    Ampliar o embargo ao petróleo será percebido como declaração de guerra por Pyongyang
    Alta na arrecadação dos royalties de petróleo faz municípios produtores voltarem a sorrir
    Tags:
    leilão, petróleo, gás, Petrobras, Rosneft, Rússia, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik