10:11 16 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    Organização Panamericana de Saúde recomenda que 95% da população deve ser vacinada contra febre amarela

    Febre amarela: 353 casos confirmados e 98 mortes em todo Brasil desde julho de 2017

    Reprodução/MinSaúde
    Brasil
    URL curta
    0 40

    Segundo um balanço, publicado pelo ministério da Saúde nesta quarta-feira, o número de casos de febre amarela subiu para 353 e os óbitos provocados pela doença para 98, desde julho de 2017.

    No ano passado, no mesmo período, foram confirmados 509 casos e 159 óbitos.

    O boletim informa que foram notificados 1.286 casos suspeitos de febre amarela em todo país, sendo que 510 foram descartados e 423 permanecem em investigação.

    “Os informes de febre amarela seguem, desde o ano passado, a sazonalidade da doença, que acontece, em sua maioria, no verão. Dessa forma, o período para a análise considera de 1º de julho a 30 de junho de cada ano”, informou a pasta.

    Por meio de nota, o ministério reforçou que não há registro confirmado de febre amarela urbana no país. De acordo com o comunicado, a probabilidade da transmissão urbana no Brasil é considerada baixíssima.

    “Além disso, há boas coberturas vacinais nas áreas de recomendação de vacina e uma vigilância muito sensível para detectar precocemente a circulação do vírus em novas áreas para adotar a vacinação oportunamente”, alegou o ministério da Saúde.

    Mais:

    O que é verdade e o que é mito sobre o surto de febre amarela no Brasil?
    Febre Amarela: traficantes sequestram enfermeiras para vacinar comunidade
    Quem viajar para área de risco no Carnaval deve se vacinar contra febre amarela
    Duas pessoas morrem após tomar vacina contra febre amarela em São Paulo
    Tags:
    febre amarela, Ministério da Saúde, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik