04:51 19 Fevereiro 2018
Ouvir Rádio
    Luiz Inácio Lula da Silva é visto no sindicato metalúrgico de São Paulo em 24 de janeiro de 2018

    Apoiadores de Lula realizam 'churras e cachacinha' em frente a triplex do Guarujá

    © REUTERS/ Leonardo Benassatto
    Brasil
    URL curta
    10108

    "Se o triplex é do Lula, então o triplex é do povo!”. Assim começa a descrição do evento que convocou apoiadores do ex-presidente a comparecerem em frente ao polêmico imóvel motivador da condenação de Lula a mais de 12 anos de prisão.

    O evento é organizado pela União da Juventude Socialista (UJS) e pela União dos Estudantes (UNE) e reuniu mais de 71 mil manifestantes "confirmados" além de outros 170 mil "interessados" na página criada no Facebook.

    Como esperado, o número de pessoas em frente ao imóvel foi significativamente menor, mas a festa continua.

    Lula foi condenado a mais de 12 anos de prisão e se tornou inelegível depois que o Tribunal Regional Federal da 4ª Região manteve a condenação proferida pelo juiz Sérgio Moro contra o ex-presidente. O petista é acusado de receber o triplex como parte de um esquema de propina em conluio com a construtora OAS.

    Tags:
    Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF), Facebook, União dos Estudantes (UNE), UNE, União da Juventude Socialista (UJS), Luís Inácio Lula da Silva, Sérgio Moro, Guarujá, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik