23:23 19 Maio 2019
Ouvir Rádio
    Presidente do Brasil, Michel Temer, discursa em Brasília após arquivamento de denúncia contra ele por corrupção passiva

    Temer diz que seria melhor se Lula fosse candidato

    © AFP 2019 / Sergio Lima
    Brasil
    URL curta
    634

    O presidente Michel Temer concedeu uma entrevista exclusiva para uma rádio em São Paulo e disse que acharia melhor que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva fosse candidato nas eleições deste ano.

    "A sua não participação tensiona o país e temos de distensionar as relações. Eu, pessoalmente, acharia, sobre o foco político, que se ele participasse e fosse derrotado, seria melhor ao país", disse.

    Temer acredita que mesmo sendo condenado em segunda instancia, Lula ainda não está morto politicamente.

    "A figura dele é de muito carisma e não é sem razão que ele ocupa uma das primeiras posições nas pesquisas de opinião. A imagem, a palavra e a presença dele não estão mortas, pode ser eleitoralmente", afirmou.

    Lula teve ser recurso negado por unanimidade no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) na quinta-feira passada.

    O presidente Michel Temer disse que a situação política para aprovar a reforma da é melhor agora do que no final do ano passado.

    "Como o Congresso ecoa a vontade do povo, o que está acontecendo é que a pessoa compreende, chega para o deputado ou senador e diz que a Previdência é essencial", afirmou Temer.

    Mais:

    Temer reage contra quem o considera corrupto: 'meus detratores estão na cadeia'
    Temer facilita privatização da Eletrobras
    Tags:
    reforma da previdência, condenação de lula, lula, julgamento, Lula, Michel Temer
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar