11:25 26 Junho 2019
Ouvir Rádio
    PETAR

    Não gosta de carnaval? Veja 10 destinos para ter sossego nesta época do ano

    © Foto : Reprodução/WikimediaCommons
    Brasil
    URL curta
    0 31

    Entre os dias 9 e 13 de fevereiro, o Brasil deve receber cerca de 400 mil turistas internacionais para o Carnaval deste ano. Segundo o Ministério do Turismo, se as projeções se confirmarem, será um crescimento de 0,75% no número de turistas em relação ao feriado do ano passado.

    As cidades mais procuradas para o carnaval são o Rio de Janeiro, São Paulo, Salvador, Belo Horizonte, o Recife e Olinda. Juntas, elas representam 65% de toda a movimentação financeira no período: R$ 7,4 bilhões.

    Mas se você é do tipo que não gosta de serpentina, confete, glitter no rosto e tudo que você mais quer para essas semanas é um cantinho de sossego e paz para relaxar e esquecer do estresse do dia a dia, a Sputnik separou alguns destinos longe da folia e da agitação.

    Confira:

    São Paulo

    A capital paulista, de acordo com a São Paulo Turismo (SPTuris), as atrações do sambódromo e os blocos de rua devem movimentar R$ 464 milhões. Os reflexos também serão sentidos no litoral paulista, que deve registrar ocupação de 90% em sua rede hoteleira.

    PETAR

    O Parque Estadual Turístico do Alto Ribeira (PETAR) é o destino perfeito para quem gosta de estar contato com a natureza. Com cachoeiras e grutas, é a área com maior área remanescente de Mata Atlântica de todo o país.

    São mais de 250 cavernas catalogadas, mas só 14 são abertas para a visitação.

    Ilha do Cardoso

    Localizada a 260 km de São Paulo, a Ilha do Cardoso é ideal para quem quer fugir de tudo. Lá não tem energia elétrica, sinal de celular, mas têm as piscinas naturais de Laje, Ipanema, Pequeno e Fale Grande, além das praias. A cidade está localizada em um parque estadual e para chegar até a ilha é necessário viajar até a cidade de Cananeia e pegar um barco.

    Ilha do Cardoso
    CC0 / Reprodução/WikiMedia Commons
    Ilha do Cardoso

    Minas Gerais

    Belo Horizonte já se configura como um dos principais carnavais do Brasil e deve atrair 3,6 milhões de foliões em 480 blocos.. Ao todo, eles deverão deixar na economia local mais de R$ 600 milhões durante os quatro dia de festa.

    Serra da Canastra

    O mais comum para quem quer desfrutar de cachoeiras, provar o tradicional queijo da região, o mais comum é ir até São Roque de Minas, que é a porta de entrada do Parque  Nacional da Serra da Canastra, um dos mais importantes parques nacionais brasileiros.

    Além das cachoeiras, o turista tem contato com animais tradicionais da fauna do cerrado, como o tamanduá-bandeira e o lobo-guará.

    Parque Nacional da Serra da Canastra
    Parque Nacional da Serra da Canastra

    São Gonçalo do Rio Preto

    Cidade típica do interior mineiro, o agito do Carnaval não aparece. Quem for pra lá vai poder desfrutar de do verde da mata, rios e cachoeiras. Na cidade igrejinhas e casas charmosa deixam o ambiente ainda mais aconchegante.

    Rio de Janeiro

    No Rio de Janeiro cerca de 1,5 milhões de turistas são aguardados e devem injetar R$ 3,5 bilhões na economia local. Os hotéis da capital fluminense esperam chegar à marca de 85% de ocupação, número 7% maior que o do ano passado.

    Visconde de Mauá

    A cidade é um conjunto das vilas e possui cerca de seis mil habitantes. Mesmo pequena, o local possui 100 estabelecimentos de hospedagem e dezenas de restaurantes.

    Localizada dentro de uma área de preservação ambiental, na Serra da Mantiqueira, os turistas são atraídos por belezas naturais das cachoeiras e da fauna e flora da região.  

    Travessia Ponta da Joatinga

    Se você é daqueles que gostam de uma trilha a travessia da Ponta da Joatinga é uma das melhores opções para fugir do Carnaval, o passeio pode durar três dias e o início se dá em Paraty.  O destino final é na cidade de Laranjeiras em uma praia deserta.

    Bahia

    Em Salvador, que tem um dos maiores carnavais do país, são esperados 770 mil turistas e uma receita de R$ 1,7 bilhão. A ocupação hoteleira na capital baiana deve atingir 98% durante os dias de folia.

    Chapada Diamantina

    A Chapada Diamantina é um dos lugares mais lindos do Brasil. A área abriga imensas formações rochosas como grutas, cavernas, rios e cachoeiras além de cidades históricas onde estão localizadas a maior parte das pousadas.

    Chapada Diamantina
    CC0 / Reprodução/WikiMedia Commons
    Chapada Diamantina

    Caraíva

    A cidade localizada a 65 km de Porto Seguro, abriga praias praticamente intocadas junto com rios e lagoas de água doce. Abriga pequenas pousadas e restaurantes.

    Pernambuco

    Em Pernambuco, a folia deve atrair 1,7 milhão de pessoas e arrecadar R$ 1,2 bilhão. A ocupação hoteleira poderá chegar a 95%, estima o governo. Na capital, Recife, estão previstos 43 polos de animação espalhados pela cidade, com mais de duas mil apresentações. No tradicional carnaval de Olinda, haverá 230 atrações artísticas, 80 cortejos itinerantes, 300 orquestras de frevo, 60 agremiações e 1.500 blocos, troças, maracatus, afoxés, caboclinhos, clubes, entre outros.

    Porto de Galinhas

    Um dos principais destinos turísticos de Pernambuco, Porto de Galinhas abriga imensas piscinas naturais de águas cristalinas e esverdeadas. O local é ideal para  a prática de mergulho, snorkeling ou simplesmente relaxar enquanto o tempo passa devagar, o destino é uma ótima pedida. Resorts e grandes hotéis fazem parte das opções de hospedagem por lá.

    Porto de Galinhas
    CC0 / Reprodução/WikiMedia Commons
    Porto de Galinhas

    Tamandaré

    Tamandaré possui praias tranquilas, bonitas e construções históricas como o Forte Santo Inácio de Loyola, patrimônio cultural do Estado de Pernambuco.

    Mais:

    Quem viajar para área de risco no Carnaval deve se vacinar contra febre amarela
    Região russa vai mergulhar em carnaval ao receber equipes latino-americanas durante Copa
    Opinião: 'segurança do carnaval é preocupação das polícias, não dos militares'
    Tags:
    dicas, viagem, carnaval, Carnaval 2018, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar