08:05 14 Dezembro 2018
Ouvir Rádio
    Ex-presidente Lula com a senadora curitibana Gleisi Hoffmann, do PT

    Presidente do PT diz que para prender Lula 'vai ter que matar gente'

    Ricardo Stuckert
    Brasil
    URL curta
    O julgamento do ano: Lula enfrenta seu destino no TRF4 (36)
    292520

    A presidente do PT, Gleisi Hoffman, afirmou em entrevista ao site Poder 360, que não acredita na possibilidade de o ex-presidente Lula ir para a cadeia e disse que para prendê-lo "terá que matar gente".

    “Para prender o Lula, vai ter que prender muita gente, mas, mais do que isso, vai ter que matar gente. Aí, vai ter que matar”, afirmou.

    O ex-presidente será julgado em segunda instância pelo TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região), em Porto Alegre, no dia 24 de janeiro.  Lula já foi condenado a nove anos e seis meses de prisão pelo juiz Sergio Moro na Operação Lava Jato, por corrupção e lavagem de dinheiro no caso do tríplex no Guarujá.

    “Eles [os juízes] desceram para o ‘play’ da política […] No ‘play’ da política nós vamos jogar (…) E vamos jogar pesado”, afirmou.

    A senadora eleita pelo Paraná defendeu que mesmo que Lula seja condenado, o Partido dos Trabalhadores deve manter a candidatura do ex-presidente. “A candidatura vai ser decidida na Justiça Eleitoral”, disse.

    A presidente do partido acredita que se todos os recursos ainda não tiverem sido esgotados antes das eleições, será muito difícil cassar Lula depois de eleito. “Como é que vai cassar o voto de 40, de 50 milhões de brasileiros?”, questionou.

    Gleisi não espera outro resultado no TRF-4 que não seja a absolvição. “Esse seria o único resultado capaz de resgatar a seriedade da Justiça brasileira e mostrar para o Brasil e para o mundo que há isenção no Poder Judiciário”.

    O PT e movimentos sociais preparam grandes manifestações para o dia 24 de janeiro em diversas cidades do Brasil.

    Tema:
    O julgamento do ano: Lula enfrenta seu destino no TRF4 (36)

    Mais:

    Movimentos sociais montam resistência à condenação de Lula
    Jungmann nega pedido de prefeito para Exército em Porto Alegre durante julgamento de Lula
    Eleições 2018: Brasil entre a 'incógnita Lula' e a ascensão do extremismo
    Mais de 73 mil pessoas assinam petição a favor da presença de Lula nas eleições de 2018
    Lula quer pedido de desculpas de William Bonner
    Tags:
    TRF4, julgamento, Operação Lava Jato, Gleisi Hoffman, Lula, Porto Alegre
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik