08:52 26 Junho 2019
Ouvir Rádio
    Presidente do Senado Federal Renan Calheiros

    Janot denuncia 5 senadores do PMDB e ex-presidente José Sarney por organização criminosa

    Fabio Rodrigues Pozzebom / Agência Brasil
    Brasil
    URL curta
    2191

    A cúpula do PMDB no Senado e o ex-presidente José Sarney foram acusados de formar uma organização criminosa pelo procurador-geral da República da República Rodrigo Janot.

    Os acusados são os senadores: Renan Calheiros (AL), Romero Jucá (RR), Edison Lobão (MA), Jader Barbalho (PA) e Valdir Raupp (RO). O ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, também é alvo da denúncia da Procuradoria-Geral da República (PGR).

    Eles são acusados de receberem propina de R$ 864 milhões e gerarem prejuízo de R$ 5,5 bilhões aos cofres da Petrobras e R$ 113 milhões da Transpetro. Segundo Janot, a organização criminosa foi constituída e estruturada em 2002, quando Lula foi eleito à presidência. Já em 2003, "Lula buscou compor uma base aliada mais robusta", diz a Procuradoria.

    O esquema também contaria com membros do PP e do PT e teria desviado recursos por meio da Petrobras e da Transpetro.

    A PGR pede que os senadores alvo de denúncia sejam destituídos de seus mandatos. 

    É pedido, ainda, o pagamento de R$ 100 milhões em danos morais e outros R$ 100 milhões por reparação aos cofres das estatais prejudicadas.

    Mais:

    Temer no ataque: Defesa acusa Janot de suspeição e pede afastamento de procurador
    Temer diz que é impopular pelas reformas e revela 'torcida' pela saída de Janot
    Raquel Dodge substituirá Janot na Procuradoria-Geral da República
    Procurador que pediu a cassação de Temer vence eleição do MPF para substituir Janot
    Janot está por trás do confronto entre Temer e Joesley Batista, diz ex-ministro da Justiça
    Tags:
    PGR, Senado Federal, Valdir Raupp, Edison Lobão, Renan Calheiros, Jader Barbalho, Rodrigo Janot, Romero Jucá, José Sarney
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar