17:56 16 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Deputado Federal Eduardo Bolsonaro (PSC-SP)

    Pedidos de cassação contra filho de Bolsonaro são arquivados na Câmara

    Lucio Bernardo Junior/ Câmara dos Deputados
    Brasil
    URL curta
    1144
    Nos siga no

    Dois pedidos de cassação do deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSC-SP) foram arquivados pelo Conselho de Ética da Câmara na tarde desta quarta-feira. As duas representações por quebra de decoro foram movidas pelo PT, mas os parlamentares não acataram.

    No processo 12/17, o PT alegava que Eduardo, filho do também deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ), teria cuspido nas costas do colega parlamentar Jean Wyllys (Psol-RJ) na sessão em que foi julgada a admissibilidade do impeachment de Dilma Rousseff, em 17 de abril de 2016.

    Já no processo 13/17, Eduardo Bolsonaro era apontado como responsável pela edição fraudulenta de um vídeo, depois publicado na internet, que teria o objetivo de prejudicar Wyllys. A Polícia Civil do Distrito Federal disse que a legenda acrescentada na gravação estava incorreta.

    Relator do primeiro processo, o deputado federal João Marcelo Souza (PMDB-MA), vice-presidente do colegiado, sugeriu o arquivamento dos dois processos, o que foi acatado pelos demais componentes do conselho por 11 votos a zero.

    Em sua defesa, Eduardo Bolsonaro alegou à época que o PT atuava para “salvar a pele” de Wyllys. O parlamentar do Psol foi advertido por decisão do Conselho de Ética, justamente por ter cuspido em Jair Bolsonaro na mesma sessão da abertura do impeachment de Dilma.

    Quanto ao vídeo divulgado, o filho de Jair Bolsonaro negou que tenha existido qualquer manipulação das imagens ou do conteúdo.

    Mais:

    Eleições 2018: Bolsonaro pode disputar Presidência por partido de condenado no mensalão
    Lula aumenta liderança para 2018 e Bolsonaro se consolida em segundo, diz pesquisa
    Chapa Bolsonaro e Doria em 2018 é possível? Deputado responde (VÍDEO)
    Tags:
    quebra de decoro parlamentar, impeachment, cusparada, cuspegate, política, Conselho de Ética, Câmara dos Deputados, PSOL, PT, PSC, João Marcelo Souza, Jean Wyllys, Jair Bolsonaro, Eduardo Bolsonaro, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar