23:43 15 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Policial atira bomba de gás contra manifestantes no centro do Rio de Janeiro

    Polícia provoca 'guerra' na Cinelândia: 9 ônibus incendiados (VÍDEOS)

    © REUTERS / Ricardo Moraes
    Brasil
    URL curta
    743
    Nos siga no

    Uma verdadeira guerra aconteceu no centro do Rio de Janeiro nesta sexta-feira. Manifestantes, que se mobilizaram em apoio à Greve Geral contra as reformas do governo Temer, afirmam terem sido atacados pela Polícia Militar. Já o comando da PM afirmou que as suas ações foram contra os Black Blocks.

    De todo modo, o centro da capital fluminense viveu momentos dignos de zonas de combate, com muitas lojas invadidas, vidros de bancos quebrados, barricadas e nove ônibus incendiados.

    Confira alguns vídeos dos acontecimentos desta tarde e início de noite.

    ​Muitos manifestantes deixaram a região em pânico. Outros alertaram, pelas redes sociais, as pessoas que se encaminhavam para o protesto para evitar o bairro, em função da violência policial.

    ​ Segundo relatos, muitos ficaram presos no interior dos restaurantes, enquanto a polícia usou balas de borracha, gás lacrimogêneo e jatos de água.

    ​Após poucos instantes, o confronto se deslocou para o bairro da Lapa, nos acessos ao qual manifestantes começaram a incendiar os ônibus e a montar barricadas.

    ​A Polícia Militar acusou o movimento Black Block de ter iniciado o confronto que, no entanto, atingiu todos os manifestantes. Segundo relatos, o protesto começou de forma pacífica.

    Mais:

    Manifestantes se encaminham para casa de Temer e polícia dispersa ato com bombas
    Greve Geral: Manifestantes e polícia entram em confronto no Rio (VÍDEOS)
    Greve Geral: Prefeito de SP diz que paralisação reúne 'vagabundos' e 'preguiçosos'
    Ministro da Justiça: Impedir que as pessoas cheguem no trabalho ‘merece reprimenda’
    Tags:
    protestos, manifestações, greve geral, Polícia Militar, Rio de Janeiro, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar