08:15 25 Maio 2018
Ouvir Rádio
    Uma manifestante mostra seu cartaz nas primeiras horas da greve geral de 28 de abril de 2017 em Brasília

    Ônibus incendiados, bloqueios e assaltos: a greve pelo Brasil até agora (FOTOS, VÍDEOS)

    © REUTERS / Ueslei Marcelino
    Brasil
    URL curta
    51308

    A greve geral convocada por centrais sindicais causa transtorno por todo o país na manhã desta sexta-feira (28). Um ônibus foi incendiado em Betim, na região metropolitana de Belo Horizonte e assaltos foram registrados em engarrafamentos no Rio de Janeiro.

    Relatos e postagens em redes sociais dão a dimensão da confusão causada pela greve, que protesta contra as reformas trabalhistas e da Previdência Social. 

    De acordo com o jornal O Tempo, um ônibus foi incendiado em Betim, na região metropolitana de Belo Horizonte. Informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF) dão conta que o veículo foi abordado no KM 485, no sentido São Paulo e os ocupantes foram obrigados a descer. Ninguém se feriu.

    Bloqueios foram registrados em várias regiões do país. Na capital, Brasília, bloquearam a BR-020 em Platina (DF). Em São Paulo, manifestantes colocaram fogo em pneus e a avenida Ragueb Chohfi, na zona leste da maior metrópole do país, estava travada.

    No Aeroporto Santos Dumont, que recebe vôos domésticos no Rio de Janeiro, uma confusão generalizada assustou quem passava pelo terminal. Manifestantes ocuparam o saguão principal gritando palavras de ordem, mas bloquearam também a entrada do local, irritando taxistas que trabalham em um ponto em frente ao terminal. A Policia teve de ser chamada para apartar os dois lados e usou gás lacrimogêneo.

    As manifestações complicaram o trânsito em toda a cidade do Rio de Janeiro. A ponte que liga a capital à Niterói ficou parada por quase duas horas, causando engarrafamentos. Segundo a Rádio Bandnews, citando relatos de ouvintes, assaltantes se aproveitaram dos carros presos no tráfego para realizar fazer um arrastão próximo a São Gonçalo, na região metropolitana da cidade. A Sputnik não conseguiu confirmar a informação.

    ​Grandes manifestações estão agendadas para esta tarde em todo país, sobretudo em Brasília, São Paulo e Rio. A expectativa dos sindicalistas é superar a greve de 1989, considerada até hoje como uma das maiores manifestações da classe trabalhista na história do país.

    Mais:

    Greve Geral: O que está em jogo com a paralisação de 28 de abril?
    Greve geral pode custar até R$ 16 bilhões à economia brasileira
    CSP-Conlutas: Greve geral não é só contra reformas, é para derrubar o governo
    Alckmin consegue liminar contra greve do Metrô mas Sindicato diz que não recua
    Tags:
    BR-020, Ponte Rio-Niterói, Aeroporto Santos Dumont, Rádio Bandnews, PRF - Polícia Rodoviária Federal, Sputnik Brasil, Previdência Social, Aracaju, Platina, Betim, Natal, Distrito Federal, Minas Gerais, São Gonçalo, Niterói, Belo Horizonte, Brasília, São Paulo
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik