09:15 24 Setembro 2017
Ouvir Rádio
    Jesse e o companheiro, o golden retriever Shurastey

    Em um fusca, jovem vai rodar a América do Sul ao lado do cachorro

    © Foto: Arquivo Pessoal
    Brasil
    URL curta
    12429093

    O curitibano Jesse Koz largou trabalho e estudos para realizar um grande sonho: cruzar a América do Sul a bordo do seu fusca e acompanhado do cachorro, o simpático Shurastey. A viagem começa no próximo dia 25 e passará por oito países, sem data para terminar. Uruguai, Argentina, Chile, Paraguai, Peru, Equador, Colômbia e Venezuela estão no roteiro.

    O cãozinho apareceu na vida do jovem, que atualmente mora em Balneário Camboriú, no final de 2015. Nomeado de Shurastey (uma brincadeira com a famosa "Should I Stay or Should I Go" do The Clash) o golden acompanha Jesse em todas as atividades: viagens, caminhadas pesadas e corridas na praia.

    A amizade foi instantânea e quando o sonho da viagem pela América do Sul se tornou mais próximo, Jesse não teve dúvidas: seu cachorro iria junto.

    "A ideia [de viajar] já existia desde 2015, para sair um pouco dessa rotina de trabalho-estudo. Deixei de lado, mas pensando no que ia fazer. No início do ano resolvi que ia fazer essa viagem e vi uma notícia de um cara que fez a mesma coisa de fusca, o que me incentivou", conta. "Vendi tudo que eu tinha, moto, móveis, videogame para viabilizar".

    Uruguai, Argentina, Chile, Paraguai, Peru, Equador, Colômbia e Venezuela. Decidida a rota, foi a hora de correr atrás da documentação do Shurastey. Jesse procurou veterinários e obteve todas as vacinas requisitadas pelas autoridades sanitárias dos oito países por onde passar. Para que o amigo não passe fome, o curitibano já providenciou 60 quilos de ração.

    "Ele sempre me acompanhou em tudo. Fazer trilha, subir morro, ir caminhando até as praias, ele é tão aventureiro quanto eu", conta.

    Para driblar a burocracia em encontrar hotéis ou albergues que aceitem animais, além de poupar uma grana, Jesse e Shurastey vão acampar na maior parte do tempo.

    "Eu tô saindo, não tenho pressa para chegar. Quero fazer 300 quilômetros por dia, parar em uma cidade, ver tudo que tem lá para aproveitar e seguir viagem".

    • Jesse e o companheiro, o golden retriever Shurastey
      Jesse e o companheiro, o golden retriever Shurastey
      © Foto: Arquivo Pessoal
    • O golden retriever Shurastey
      O golden retriever Shurastey
      © Foto: Arquivo Pessoal
    • Jesse e o companheiro, o golden retriever Shurastey
      Jesse e o companheiro, o golden retriever Shurastey
      © Foto: Arquivo Pessoal
    • Jesse e o companheiro, o golden retriever Shurastey
      Jesse e o companheiro, o golden retriever Shurastey
      © Foto: Arquivo Pessoal
    1 / 4
    © Foto: Arquivo Pessoal
    Jesse e o companheiro, o golden retriever Shurastey

    A competição por qual das duas malas — se a dele ou do cachorro — será maior é uma briga boa, mas ele garante estar equacionando tudo. Além dos pacotes de ração, Shurastey contará com brinquedos para aliviar o stress e outros utensílios como cobertor e colchonete. Toda a aventura será documentada na página Shurastey or Shuraigow?, no Facebook.

    "Quero inspirar a galera como eu me inspirei no caso do cara que já tinha feito. É uma forma também de manter contato com quem está acompanhando a viagem, sem precisar adicionar todo mundo", finaliza o curitibano.

    Tags:
    Should I Stay or Should I Go, The Clash, Jesse Koz, Shurastey, Balneário Camboriú, Paraguai, Chile, Uruguai, Peru, Equador, Argentina
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik